Notícias

Ford desiste do BlackBerry e adota iPhone para seus empregados

iPhone 5s

A adoção do iPhone e do iPad na empresa cresce cada vez mais, tanto no Brasil quanto no resto do mundo, e com a anunciada parceria entre Apple e IBM, isso deve aumentar cada vez mais. E para exemplificar isso, a Ford americana anunciou esta semana que irá dar 6.000 iPhones aos seus empregados, substituindo o BlackBerry.

Esta tendência já começou há algum tempo. No Brasil mesmo há casos de empresas que estão substituindo o BlackBerry (que dominava o mundo empresarial há 4 anos) por iPhones: algumas fornecem o modelo 5c para os funcionários e o 5s para a diretoria. Isso está sendo comum em profissões que exigem constante comunicação com a empresa, como equipe de vendas, representantes e propagandistas. O iPad também vem crescendo bastante no mundo empresarial.

E o que a BlackBerry está fazendo sobre isso? Piada.
Na semana passada, o Chefe Executivo da empresa, John Chen, zombou do acordo entre Apple e IBM, dizendo que não vê onde esta união pode levar os dois. “São dois elefantes que começam a dançar“.

O problema é que foi este mesmo deboche e falta de visão que levou a BlackBerry ao buraco. Em janeiro de 2007, logo após a apresentação do iPhone por Steve Jobs, executivos e técnicos da BB (na época chamada de RIM) acharam que a Apple estava mentindo ao apresentar o iPhone. Segundo eles, para ter um dispositivo que navegasse na internet e ainda rodasse vários aplicativos, com uma tela grande, era preciso um processador enorme que suportasse tudo isso. Mas o erro deles foi permanecerem engessados na sua própria engenharia, sem nem ao menos cogitar que a solução poderia vir de algo diferente. Quando o iPhone chegou ao mercado, eles compraram um e o abriram, para analisar: viram uma engenharia totalmente diferente do que era feito na época, tornando possível o aparelho. Só então que eles acharam brilhante a solução da Apple, mas aí já era tarde demais.

Parece que a BlackBerry quer repetir o passado e continuar tentando diminuir o iPhone publicamente para tentar esconder as próprias deficiências. Há muitas empresas que costumam adotar esta estratégia, mas a história já mostrou o que acontece com quem tenta diminuir um bom concorrente apenas com falácia:

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Brunosh

    Pobre Ballmer. Nem imagino o quão doloroso deve ser para ele ver essa entrevista nos dias de hoje.

    • iRon

      Pobre é a única coisa que ele não é, aliás ele é bilionário!

      • Brunosh

        Pobre não era no sentido literal da palavra, mas enfim… Ele pode ter todo o dinheiro do mundo que dessa humilhação pública ele não se livra mais. Não podia estar mais errado.

        • Daniel Alencar

          HAHAH cada um…

        • mr_rune

          É mesmo. Ele deve ver essa entrevista e pensar “putz eu era 200 milhões de dolares mais pobre nessa época, que raiva”

      • João Pedro Gerab

        Tao pobre que ta no porcesso de comprar o Los Angeles Clippers

    • Daniel Alencar

      HAHAHHA vc ve como as opiniões mudam com o tempo ne? Ele disse que o iPhone não atrai os executivos pq não tem teclado físico pra escrever emails hahaha E hj: o que eles fizeram com o Surface?

  • igor

    realmente é a tendencia.

  • Eduardo

    Ótima analise

  • Celso F. Araujo

    A Blackberry repete hoje o mesmo erro que empresas como a Xerox, Kodak e outras no passado.

  • Thiago

    Que Buricoooo,, dá 0 pra ele!!! (John Chen)

  • weeeecomments

    Colaboradores* 🙂

  • Clovis

    Eu gosto dessa entrevista de Ballmer. A razão de eu ter um hoje é o iPhone ter superado essas limitações que ele cita no vídeo. Não digo que seria mal sucedido se não atendesse a minhas expectativas, mas seria um produto bem menos útil para mim.

    Além disso, Ballmer critica o preço de lançamento 500 dólares com subsídios. Preço que logo depois foi corrigido. Acho que o outro Steve, corretamente, olhou essa entrevista com muito cuidado.

  • Jeff

    Esse mundo é complicado, como um alto executivo pode ser tão arrogante com o lançamento de algo novo, como é possível prever o futuro com algo sem precedentes e sem histórico. No mínimo cautela e um pouco de prudência é regra em entrevistas deste tipo.
    Estão pagando caro pela falta de visão, parece que o termo antigo de “miopia de marketing” continua em alta nas grades gigantes ultrapassadas. Só nos resta esperar a data do velório da BB, uma pena pois todos nós saímos perdendo com a ausência de concorrentes.

  • A empresa responsável pelo Berry parece estar correndo atrás do prejuízo, ela adquiriu recentemente uma empresa de segurança tecnológica, para tornar os Berries os smartphones mais seguros do mundo, e dessa forma conquistar novamente o mercado empresarial.

    • Vinicius Marques

      Pena que muito tarde, igual a Kodak, Xerox, etc. etc. etc…

      • Adriano Berti

        …Nokia…

  • André

    Isso que dá ter mente pequena: falência.

  • Danilo Araujo

    A Apple hoje é a RIM de ontem.
    e Fatalmente irá para o mesmo caminho, A RIM inovou o mercado assim como a Apple Inovou,e hoje o IPhone ja não é mais aquela grande inovação,só restou a marca e isso não durará muito tempo.

  • Vinicius Marques

    “Vamos ver até onde a concorrência chega…” Acho que bem longe, a ponto de forçar a Microsoft vender também um desses telefones sem teclado, que não atrai executivos e que também é um dos “mais caros da história da telefonia.” Parabéns Ballmer!

  • Vinicius Marques

    Ballmer ri do iPhone < Siri ri do Ballmer

  • HenriqueGomez

    Que dó kkkkkk

  • rafito

    Não me canso de ver esse vídeo UAHSASUHSA

  • maior arrependimento da vida dele foi ter dado essa entrevista. e né? steve jobs deu o maior tapa sem mão da história!

  • Alexandre Silva Oliveira

    Que comentário infeliz kkkkkkkkkk coitado dele !! Kkkkkk

  • Roger Wesley

    Pobre Ballmer.

  • Juliano Araujo

    Falta pouco para blackberry ser apenas o nome de uma frutinha… e será somente isso que as pessoas se lembrarão.

  • Alex iPilot

    Eu não quero estar por perto quando “dois elefantes começam a dançar”…

  • Lucas

    Um off aqui: Alguém sabe me dizer se no iCloud Drive poderemos subir nossas musicas?

  • Thiago Lino

    Ora, sequer oferecem software/interface dedicado a carros . A troca faz todo sentido para mim.
    Não me canso de ver esse vídeo do Ballmer!

  • Gabriel Pinheiro

    Acho que a BB ta até demorando pra falir…diga-me 3 pessoas que tem um Z10 ou um Z30…até hoje,eu só vi uma pessoa com um Z10…

    • Ricardo

      Eu tenho um Z30 e acho ótimo o aparelho… Bateria que dura mais de um dia sem carregar, sistema bem fluído e sem travamentos, 98% dos apps do android rodam nele (no meu caso os que utilizo 100% rodam). Acho que se entregassem o aparelho na mão de muitos aqui sem ter nenhum logotipo ou algo que indicassem alguma marca pelo menos 80% do pessoal aprovaria o aparelho. Claro que cada um tem a sua necessidade, respeito o pessoal que utiliza iphone, android, windows phone, cada um tem seu nicho. Eu mesmo já tentei utilizar diversos androids e iphone, mas nunca supriram minhas principais necessidades, coisa que somente a BB conseguiu.