AppleNotícias

iPhone 5 é o iPhone mais vendido da história da Apple

Resultados financeiros

Hoje a Apple apresentou seus resultados financeiros do último trimestre fiscal (Q3 2013, encerrado no dia 29 de junho), como faz 4 vezes ao ano. E os números, como sempre, são gigantescos: 14,6 milhões de iPads vendidos, além de 31,2 milhões de iPhones e 3,8 milhões de Macs. O lucro líquido foi de 6,5 bilhões.

O carro-chefe, mais uma vez, foi o iPhone, mas Tim Cook promete boas novidades em breve.

Estamos especialmente orgulhosos de nosso recorde [na venda] de iPhones no trimestre de junho, com vendas de mais de 31 milhões, além do forte crescimento das receitas com iTunes [Store], software e serviços. Estamos muito entusiasmados com as próximas versões do iOS 7 e OS X Mavericks, e estamos totalmente focados, trabalhando duro em alguns novos produtos surpreendentes que vamos apresentar neste outono e durante 2014.

A empresa bateu um novo recorde de vendas de iPhones em junho, superando as próprias expectativas. E a venda do smartphone mais famoso do mundo aumenta 20% a cada ano, o que demonstra que ele é muito popular e procurado. O iPhone 5 é o mais popular da história da companhia, mas as vendas do 4 e 4S continuam fortes.

A receita de US$35,3 bilhões não foi muito diferente daquela do mesmo período do ano passado, mas ainda é a maior da história de um Q3 da Apple. Óbvio que os analistas querem que esta margem cresça sempre, mas não dá para dizer que a situação está ruim, enquanto houver crescimento (gráficos gentilmente cedidos pelo site Macstories.net).

Receita Q3 2013 Vendas de iPhone Q3 2013 Vendas de iPad Q3 2013

O iPad sofreu uma queda nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado. Mas isto pode ser explicado pela mudança de data de lançamento do aparelho, que até 2012 era em março. Em outubro, a Apple mudou e lançou de surpresa o iPad 4 e, portanto, muita gente já o adquiriu no final do ano passado e agora espera para o lançamento da próxima versão.

Peter Oppenheimer ainda soltou uma frase, que pode significar muito: “A Apple terá um outono muito agitado a partir de outubro“. Com certeza, veremos novos produtos. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Max

    iPhone é iphone né!!! Não Tem pra ninguém.

    • João da Silva

      Ter até tem. Eles não disseram o número de iPhones 5 vendidos. Esses 35 milhões são o número total de iPhones.

      Além do mais o lucro da Apple diminuiu ao ponto da Sammy se tornar a fabricante de smartphones mais lucrativa.

  • Rick

    Daora, feras.

  • Daniel

    E pensar q teve gente dizendo que com a tela maior, cairia as vendas..

    • Walter

      O Iphone 5, com core duo, dá surra em muito quad core por aí! É simplesmente fera demais! Ainda assim o 4 e o 4s são pra arrebentar! Na minha opinião não existe smartphone melhor!

      • Caio Oliva

        Walter, o iPhone 5 é dual core (Núcleo Duplo) e não Core Duo (processador antigo da intel)

        :p

      • João da Silva

        Não cairam as vendas. O que caiu foi o lucro.

  • MANOELWSILVA

    Resulto que seus produtos e serviços são excelentes.

  • Wellington Alves

    Só não vendem mais iPhones porque não conseguem fabricar mais rápido.

    • João da Silva

      Isso nos leva ao dilema de Tostines.

      Será que não conseguem fabricar mais porque não conseguem vender mais (mantendo uma margem de lucro considerável)?

  • Luizinho

    A capinha do meu iPhone riscou a lateral dele

    • Guilherme

      Nossa, achei que isso tinha acontecido só comigo, usei umas capinhas por uns 8 meses e meu iPhone ta cheio de riscos em forma de bolinha na lateral toda… 🙁

      • Rafael

        ja usei umas 3 capinhas diferentes e todas arranharam o meu.. deu um problema no botão home, troquei o iPhone e to usando só com pelicula há 1 mês.. intacto :p

      • Caio Oliva

        Guilherme bolhinhas ? Você não mora em zona litorânea ?

        O meu antigo i4 tinha essas “brotoejas”, mas creio que era por causa da maresia aqui do Rio…

        Capas rígidas deveriam arranhar e não causar oxidações, né ?! Hehe

      • Caio Oliva

        Guilherme bolhinhas ? Você não mora em zona litorânea ?

        O meu antigo i4 tinha essas “brotoejas”, mas creio que era por causa da maresia aqui do Rio…

        Capas rígidas deveriam arranhar e não causar oxidações, né ?! Hehe

    • Edgard Dias

      Seis são tudo doido… todas as capas por mais caras e boas que sejam ,se usar por muito tempo sem tirar do aparelho vai deixar marcas, ainda mais no iphone 5 preto

      Me recusei a usar qualquer tipo de case, bumber , skin ou película no meu iphone 5 , primeiro pela estética e depois por todas as ilusões de que elas protegem(protegem contra quedas absurdas é claro)

      Hoje fazem 6 meses que tenho ele, é o preto o mais sensível, está intacto como saiu da caixa
      Ele possui 3 quedas, foram quedas fortes, mas claro não foi na rua, isso ajudou a não acabar com o coitado porque se fosse na rua já era teria feito estrago certamente, mas enfim…

      Sigo 3 cuidados apenas :

      1º – Se vai no bolso, vai sozinho sempre,
      2º – Mãos de criança, nem se for filho de Jesus Cristo!
      3º – Nada de neurose, apenas cuidado como quem cuida de algo que gosta!

      Ah. eu usei por um tempo um porta-óculos de um óculos escuro , também não atrapalha em nada e protege 100% se você sua com outros objetos no bolso ,

      • Desculpa discordar, mas eu dúvido ao quadrado, que sua lateral em preto iônizado não esteja com pingos cromados … Tive um iPhone 5 16gb que caiu duas vezes somente, uma na loja da vivo e outra da minha cama e ele riscou por inteiro…

        Hoje tenho o 5 64gb e aprendi a lição uso somente com capa e tiro somente quando estou na rua, para ficar melhor de pegar e mesmo assim já estão aparecendo os pinguinhos …

        O problema do 5 discutido acima não foi quanto à arranhões na tela, e sim no aro (chassi) do iPhone.

        • Edgard Dias

          E você acha que eu estou falando de amigo ? da tela ?
          pelo amor né..
          todo mundo sabe o quão fresco é o material da lateral ,do chanfro e da traseira
          te mando foto, video, gif qualquer coisa pra você ver!

      • João da Silva

        Com a pintura de baixa qualidade todas as capas deixam marca mesmo…

  • Alle

    Apple mostrando mais uma vez que tem o conjunto mais equilibrado de hardware e software, criando a melhor experiencia de uso e cativando um numero cada vez maior de usuários. E com certeza ainda tem muita bala na agulha, como veremos nos proximos lançamentos.

  • Adriano

    Viva a Apple!!!

  • Gabriel Oliveira

    Ilex, no quarto parágrafo, quando cita a receita, o correto é 35 bilhões, nao milhões, segundo o gráfico.

  • Raphael Victor

    “trabalhando duro em alguns novos produtos surpreendentes que vamos apresentar neste outono e durante 2014.”

    Para ele falar de 2014 ainda em Julho de 2013 é porque os próximo produtos do ano que vem, vão ser muito bons mesmo! 😉

    Claramente se for mais uma vez um “iPhone S” ou sejá sem mexer no design + iOS 7 (que teve muito polemica) é de se esperar um iPhone de 8 geração + um iOS 8 excepcional! 😉

  • luis felipe

    espero significativas mudanças no ipad de quinta geração. não comprei o 4 porque já ta tão pertinho de lançar um novo coisa de uns três quatro meses. quem sabe!

  • Leonel Passos

    Apple – Houve boatos de que estive na pior. Porra, se isso é estar na pior, imagina o que é estar bem hein?

    • Leonardo Negrisoli

      hahaha boa 😛

  • Luiz Fernando

    Ninguém vence a Apple,tudo tem muita qualidade,e eu tenho certeza que 98% dos que falam mau da Apple é pq nunca mexeram num produto da Apple ou pq nunca viu um na vida,Apple é tudo,nao troco meu iphone por nenhuma outra marca.

    • Marcelo M.

      [2]

      • Bruno

        [3]

        • Lipas

          [4]

          • Robson Olindo

            [5]

            • Wendel

              [6]

    • Estan Duarte

      Realmente não entendo essa mania que pessoas tem de falar do iPhone sem nunca ter usando um…
      Fora os que se referem as cópias, sempre digo que meu 4S é uma, que trouxeram pra mim por 300 contos kkkkkkkkk

  • Moacir

    Fabricar o aparelho e o sistema operacional torna o Iphone perfeito,e se é perfeito vende muito,parabéns Apple.

  • Carlos Arcas Neto

    Chupa esta Sansung . Record com apenas um unico aparelho. Copia tambem. Hahaha.

    • Thyrso

      Imagine a Globo, então.

      *recorde

    • Bruno

      A Samsung “vende mais aparelhos”, mas o que ninguém explica nas matérias é que a Apple vende só iPhone, já a Samsung tem mais de 1 milhão de modelos… kkkkk
      Ps. E a satisfação do cliente ninguem mostra também!!
      Não troco meu iPhone por nada…. Só pela proxima geração

  • André

    E olha que eu ainda nem comprei o meu…

    • Bruno

      Compra que não se arrependerá

  • Victor

    Cara Apple é Apple e pronto! Tenho um I4s e Não tenho do que me queixar… O Android é ótimo, mas o iOS é sensacional!

  • Pistoia

    Tenho um iPhone para uso particular e um samsung da empresa. Adivinhem qual tenho vontade de jogar na parede toda a vez que preciso usar no trabalho?

  • Marcola

    Acredito que o grande lancamento do outono sera o relogio (iWatch, talvez) que a Apple esta desenvolvendo. Como sera? Considerando que tudo que a Apple faz revoluciona o mercado, podem esperar algo realmente inovador.

  • Francisco

    iLex, corrija no parágrafo anterior a primeira tabela a informação de milhões para bilhões.
    Abs!

  • Ewerton Azevedo

    E teve boatos… hehehe

  • Overlord

    Este final de ano, acredito no lançamento do iPhone 5S com a tela normal (4″) e uma versão popular do iPhone 5.

    E, estou ACHANDO que em 2014 haverá novo aumento no tamanho da tela do iPhone… para 5″!

    Todos nós sabemos que a Apple, como qualquer empresa, faz “trocentos” protótipos de seus produtos… mas os rumores estão muito fortes e vindo de fontes mais “confiáveis”.

  • Mauricio Mendes

    Embora a Apple continue tendo bastante lucro e sendo bastante rentável, a queda nas vendas do iPad com certeza tem que acender uma luz de alerta para a direção da empresa.

    Foram 14% de iPads a menos vendidos, de acordo com a “Conference Call” da Apple… E 14% a menos é uma queda considerável, ainda mais em se tratando de um aparelho com uma liderança praticamente absoluta de mercado. Os iMacs também tiveram uma queda, da ordem de 7%.

    Eu, particularmente (e aqui é só achismo meu), não creio muito que uma “espera por um novo iPad” seja o motivo principal (leia-se bem: principal) para essa queda. Claro que há essa variável, mas também imagino que os outros tablets estão começando a conseguir fazer o que os outros smartphones já fizeram em relação ao iPhone: aproximar-se (e, de certa forma, dependendo da análise feita, ultrapassar – no caso do iPhone).

    Esse é mais um bom motivo para a Apple acordar e voltar a ser o que era até pouco tempo atrás. Na minha opinião, é uma boa hora para começar a gastar as energias com inovação e não com briguinhas judiciais inúteis, que só levarão a um desgaste absolutamente desnecessário.

    Inserindo mais um “achismo” aqui, tenho certeza de que as ações da Apple sofrerão uma queda hoje. Os resultados, embora admiráveis, abrigam uma situação iminente de alerta para a empresa. E, no final, para o mercado é isso que importa: o que a empresa traz hoje de dinheiro e o que ela pode trazer no futuro.

    Mas algo é importante que se diga: eu sou tão somente um CONSUMIDOR, não um ACIONISTA da Apple, portanto não partilharei de tais lucros e eventuais prejuízos que um dia possam (ou não) aparecer.

    Enquanto muita gente se mata discutindo sobre iOS, Android, Windows, OS X, etc. etc., os “senhores de cartola” estão tão somente preocupados com o quanto de $$$ isso tudo pode trazer. Para alguns consumidores, a tecnologia fala mais alto. Para outros, a paixão. E isso vale para Apple, Samsung, Google, Microsoft, Coca-cola, McDonalds, Burger King, etc. etc. etc.

    Para mim, hoje, meu “ecossistema Apple”, incluindo meu iPhone 5, me atende muito bem, e é isso que me interessa. E, no final, esse é o trabalho que a Apple tem que fazer: manter seus usuários confiantes em seus produtos e convencer os demais que o que ela possui pode atendê-los perfeitamente melhor do que a concorrência.

    • Maurício, sua análise está completamente equivocada.

      A “queda” nas vendas não existiu. O que aconteceu foi uma mudança de calendário.
      Pensa direito: em abril, maio e junho de 2012, o iPad 3 tinha acabado de ser lançado. É ÓBVIO que vendeu bem mais iPads nesses meses que o mesmo período de 2013, pois o último lançamento foi em outubro.

      Não caia no sensacionalismo apocalíptico de alguns sites que só querem atrair leitores. Basta raciocinar um pouco para entender os números como eles devem ser entendidos.

      • Mauricio Mendes

        iLex, permita-me discordar (ao menos, em partes) de você…

        Houve, sim, uma queda. No “ponderado”, pode ter sido menor, mas houve. Tudo bem que se tratava de um período com lançamento recente, mas veja o exemplo do iPhone, que continua crescendo. Um crescimento tem que ser contínuo e sustentável. Não adianta vender XXXXX três meses após o lançamento e depois a venda ir diminuindo.

        Isso pode até ser um processo, de certa forma, natural, diriam alguns. Mas, quando se tem concorrentes lançando produtos de forma feroz, o cenário passa a ficar perigoso…

        Não caí no sensacionalismo não. Não preciso disso, pois não preciso da opinião de terceiros para montar a minha própria. Não estou criticando, não entenda dessa forma, só estou argumentando sobre o que você disse.

        Gosto de comentar, pois gosto do seu blog. Estou sempre por aqui e sempre lendo e opinando, seja a favor ou contra.

        • Maurício, estamos debatendo ideias e isso é bom. Mas seus argumentos ainda não me convenceram a mudar de ideia. Não são fortes o suficiente.

          Basta pensar como um consumidor: digamos que você queira muito comprar um iPad e tenha dinheiro para isso. Você fará quando? Um mês depois que ele foi lançado ou 8 meses depois?
          Eu não sei ainda sua resposta, mas a minha seria “um mês depois”. Eu prefiro comprar o iPad (e qualquer outro novo dispositivo) logo que é lançado, pois sei que em um ano ele será substituido. E acredito que a maioria que possa e compre iPad, pense assim.

          Então, é normal (e até óbvio) constatar que o número de vendas do iPad 3 foi maior nos 3 primeiros meses que foi lançado. Assim como provavelmente o resultado de vendas do trimestre outubro/nov/dez de 2012 foi bem maior que o mesmo período de 2011, pois houve um novo lançamento em outubro. Não é achismo, é estatística, basta analisar o gráfico do texto. Um aumento de mais de 90%!!!
          Coincidência? Claro que não.

          Sua frase “Não adianta vender XXXXX três meses após o lançamento e depois a venda ir diminuindo” é absurda, pois não existe no mundo nenhum produto eletrônico que não tenha baixa nas vendas depois de alguns meses e é por isso que a indústria está sempre lançando novas versões. Se esta queda natural de vendas deve ser preocupante para a Apple, os concorrentes deveriam ficar apavorados também, pois com os produtos deles a queda é ainda mais acentuada.

          Isso pode até ser um processo, de certa forma, natural, diriam alguns. Mas, quando se tem concorrentes lançando produtos de forma feroz, o cenário passa a ficar perigoso…
          Essa frase absurda, repetida ad nausean por algumas facções da mídia, parece querer deturpar a realidade. Por que as pessoas que falam isso NUNCA apresentam os dados de queda de crescimento das vendas da “concorrência”? Vamos lá, cadê os números de vendas de outros aparelhos, para analisarmos friamente se a queda é maior ou menor e aí sim concluirmos se há ou não perigo? Vejamos quem vende mais tablets, vejamos qual tablet o consumidor procura quando vai comprar um. Só com esses números na mão (de todos, não só os da Apple) é que poderemos analisar sem parcialidade (pró e contra) se a Apple está ou não em perigo com os números que apresentou. Senão, fica só aquele blábláblá da mídia anti-Apple, que fala estas coisas porque falar mal da Apple atrai leitores.

          Achar que a falsa “queda nas vendas” de iPads neste Q3 é um sinal de alarme é não saber fazer contas. Ou então sou eu quem está ruim de contas e não percebi ainda.

        • Ciro Espítama

          Creio que aqui há razão em ambos os lados. É fato que há uma queda na venda de iPads, a qual podemos creditar à mudança de calendário, mas tal mudança foi uma escolha da Apple e portanto em último caso a própria empresa “trabalhou” contra as vendas. Por outro lado não houve o surgimento de um concorrente forte ao iPad, ao contrário do que aconteceu ao iPhone (que mesmo assim continua vendendo muito bem), portanto não há motivos para um “alerta vermelho”.
          De qualquer forma os resultados são bons, pois ao contrário de muitas empresas por aí (Nokia e BlackBerry) são positivos, tanto em vendas quanto em lucros. O que já não existe são crescimentos enormes, mas isso deve-se à saturação do mercado, concorrência melhor apetrechada e a crise na Europa.
          Por fim concordo com o Maurício no que toca que tais números são excelentes para a Apple e seus acionistas, mas para mim como utilizador dizem muito pouco. Desde que a empresa continue a entregar o melhor binômio hardware/software do mercado continuarei usando seus produtos, quando isso deixar de acontecer tenho a certeza que ninguém na Apple ficará magoado se eu mudar de aparelho! 😉
          PS: Ao contrário de grande parte dos colegas aqui do BdI eu estou entusiasmado com o iOS 7 e digo mais: ele pode ser o grande responsável por finalmente eu decidir não esperar um iPhone de tela maior que 4″!

          • mas tal mudança foi uma escolha da Apple e portanto em último caso a própria empresa “trabalhou” contra as vendas

            Será mesmo?
            Analisando os gráficos de vendas, se conclui que a Apple vendeu MAIS iPads em 2012 por ter feito dois lançamentos no mesmo ano. Por isso que eu digo que números sem análise podem ser mal interpretados. 😉

            • Ciro Espítama

              Eu estava referindo-me especificamente àquele quadrimestre em que teve menores vendas de iPads. E apenas para salientar que a mudança de calendário foi uma decisão da empresa, não havendo qualquer fator externo que influenciasse nisso.

    • Eduardo Aguiar

      Apenas uma observação sobre a análise do Maurício Mendes sobre as ações, acredito que ele não tenha visto que estas subiram 4% após o anuncio dos resultados financeiros.

      • Mauricio Mendes

        Exato.. Errei feio (ao menos por enquanto) na minha “previsão”…

        Estão operando com alta de 4,45%… Ainda bem que não trabalho com ações.. eheheheheheh senão teria perdido $$…

        • André

          Acredito que a Apple não esteja passando por um de seus melhores momentos…ta também acho que o lançamento do iPad teve certa influencia na queda. Mas não podemos negar em hipótese alguma, o fato do crescimento da concorrência. A dois anos a Apple liderava em todos os sentidos. Mesmo. O iMac se não me engano estava tendo um crescimento ligeiro, porem mesmo assim ainda era um crescimento. Ate as vendas de Macs diminuíram… Porque? Lançamentos de produtos em outubro? Acredito que seja o fato da Apple não estar mais reinventando o mercado….Alias a ultima real inovação da Apple foi a tela retina. Depois disso acabou.
          A concorrencia esta crescendo a níveis espetaculares. Eu tive a oportunidade de mexer em um Samsung s4 e é visível o salto de desempenho que o aparelho teve. Ele esta bem melhor. Os consumidores percebem isso.
          o Lumia 920 é incrível também! E vai dizer que a Nokia peca em qualidade?? Não!! A Apple ta entrando em um período onde ela precisa se estabelecer novamente. Ela ainda cresce. So não sei por quanto tempo. Afinal a concorrência está voltando a crescer.
          Essa falta de inovação confiança entre outros desestimula o consumidor e convence ele de certo modo experimentar coisas novas. Por isso que eu acho que esta tendo uma queda.

  • Marccus Ph

    Eu ainda acho que não será lançado um novo iPhone este ano, e sim, um produto diferente. Tambem acho que como o iPad, o iPhone também sofrerá alteração de calendário.

    Mas é um achismo mesmo. 😉

  • Pedro Derbli

    Mas as vendas de Mac e iPad cairam né?

  • Daniel

    “…e estamos totalmente focados, trabalhando duro em alguns novos produtos surpreendentes que vamos apresentar neste outono e durante 2014.”

    Alguma chance de termos novidade os Macs? 🙂

  • Rafael

    Ouvi flr q a tela do iPhone 5 eh mt difícil de arranhar pois eh feita de cristal, alguém me confirma isso?

    • É a lente da câmera do iPhone 5 que não arranha, por ser de Safira.