Notícias

Governo de Nova York pede para a Apple ajudar em formas de combater o roubo de celulares

Roubo de iPhone

O roubo de tablets e celulares é um assunto que nunca sai de moda, não só no Brasil. Em algumas grandes cidades dos Estados Unidos (como Nova York), está virando um problema de Estado, visto que muitos cidadãos são vítimas diárias da popularização e sofisticação dos gadgets móveis. A situação chegou a tal ponto que o governo do Estado de Nova York enviou uma carta para a Apple, Google, Microsoft e Samsung para que ajudem em uma solução que diminua este problema.

Em sua carta para Tim Cook, o procurador-geral Eric T. Schneiderman escreve:

Eu tento entender por que empresas que podem desenvolver produtos portáteis sofisticados, como os fabricados pela Apple, não podem também criar uma tecnologia para tornar os dispositivos roubados inoperáveis e, assim, eliminar o mercado negro em expansão em que eles são vendidos.

Esta pergunta alguns de nossos leitores já fizeram em nosso artigo sobre por que a Apple não adota uma senha para desligar o iPhone. De fato, nenhuma das grandes fabricantes de celulares e tablets possui uma solução eficiente para impedir que celulares roubados sejam reutilizados.

A Apple até teve grandes progressos com o sistema Buscar Meu iPhone, inclusive com vários casos de usuários que conseguiram reaver seus aparelhos por causa dele. Mas ladrões mais experientes são capazes de evitar de serem localizados e, depois de restaurado, o aparelho fica como novo.

No Brasil, a coisa fica ainda mais grave porque até mesmo o bloqueio por IMEI feito pelas operadoras não é confiável. Funcionários corruptos e sem o menor caráter cobram em sites de internet para retirar IMEI da lista negra, algo que só poderia ser feito com uma certificação policial.

Esperamos que Tim Cook se sensibilize com o pedido e faça seus engenheiros encontrarem uma solução para isso. Pois se um iPhone roubado não puder ser usado por outra pessoa, o mercado negro se enfraquece e, consequentemente, o interesse pelo roubo.

via Bloomberg

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados