Opinião

Discussão: será que é só a Apple que tem preços caros no Brasil?

iPad 2

Na época do lançamento do iPad 4 no Brasil, muita gente reclamou do aumento de preços do modelo, acusando a Apple de mercenária e de desrespeitar os brasileiros. Com o iPhone 5 então, nem se fala: o preço nas alturas desestimulou muita gente.

É normal ouvirmos sempre: “a Apple tem preços abusivos”, ou “vou abandonar a plataforma, pois a Apple explora os brasileiros“. Mas até que ponto a culpa é só dela?

Longe de defendermos aqui os preços praticados pela Apple no Brasil. Eles são mesmo altos e achamos que poderiam ser menores com a fabricação dos aparelhos nas fábricas nacionais. Mas o que queremos destacar é que, infelizmente, esta política de preços muito mais altos que no exterior não é nem de longe uma exclusividade da Maçã.

Um exemplo disso são os novos tablets com Windows 8/RT, que estão chegando no Brasil, com preços estratosféricos.

Não entraremos em detalhes de quão melhores ou piores eles são comparados ao iPad, e nem se eles rodam programas normais de computador. Nos fixemos apenas no preço que eles tem lá fora (similares ao iPad) e o preço que eles são vendidos aqui (quase o preço de um MacBook Air).

Se lá fora eles tem o mesmo preço do iPad, porque aqui são muito mais caros? Vale mais a pena comprar um tablet ou um MacBook Air (um computador completo e muito leve, que permite instalar Windows nele) pelo mesmo preço? Seriam os tablets com Windows os substitutos (caros) dos famigerados netbooks?

O site Gizmodo Brasil fez um ótimo texto falando desta questão dos preços dos tablets com Windows no Brasil. Vai lá e dê uma lida, depois volte aqui nos comentários para discutir a questão: adianta sempre reclamarmos só da Apple ou o problema dos preços altos é geral no Brasil? O que fazer, enquanto consumidor, para mudar esta situação?

A palavra é toda de vocês. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Felps

    Brasileiro só se lasca… 😐

    • Luiz Ferreira

      Os preços dos tablets com W8/RT estão abusivos mesmo, mas logo logo eles iram cair de preço, um exemplo e o Galaxy Note 2 “eu sei, ele não é um tablet com W8” mais seu preço inicialmente era 2,5 mil, passou 1 mês, baixas vendas….. passou para 1,6 mil, assim será com esses tablets, quem irá desembolsar 3 mil em uma configuração pobre?

      • Iron Junior

        Essa é a grande diferença da Apple. Você compra um produto e no outro dia ele não passa a valer quase nada. Apple é quase um investimento, já que usamos muito e no fim revendemos por um bom preço.

        Mesmo assim, não acredito que ocorra uma queda brusca de preços, já que fora, o tablet com Windows 8 (não RT) possui realmente preço muito semelhante ao incomparável MacBook Air.

        • Solrac

          Investimento tsc tsc…
          O conceito de investimento é bem diferente disso que vc disse ai amiguim!

          • Vinicius

            E o conceito de quase investimento?

          • Iron Junior

            É difícil tentar explicar algo para quem tem a mente limitada a entender apenas o sentido literal de cada palavra e sequer tenta interpretar o texto.

            Estude, interprete, raciocine, Solrac.

      • Pedro HH

        Mas o fato é que ocorre a desvalorização muito rápida das outras marcas, que é muito bom para quem quer um preço, digamos, mais justo pelo produto.
        Mas com produtos da Apple não ocorre alguém falar “ah, vou esperar 2 meses para abaixar de preço”, Isso ocorre um leve diminuição em 1 ano, ou até 2, tornando-se um ótimo produto para vendê-lo usado e pagar mais um pouco para obter o de nova geração. Os preços dos iGadgets tiveram até um aumento de 100 reais nas lojas ano passado.

        • Anderson Pereira

          Brasileiro só se lasca mesmo se quiser!

          Moro na Argentina, aqui custa até 4 vezes mais ter algo da maçña do que aí no Brasil. Bem, alguns dias atrás fui vítima de uma tempestade elétrica. Infelizmente perdi os carregadores do meu iPhone 4 e meu MacBook Air, e também os aparelhos juntos.

          Tempestades elétricas ñ fazem barulho. Isso foi de madrugada, mas enfim.

          Como sao ferramentas de trabalho, tive que correr atrás e quando me deparei com o preço, chorei. Um iPhone 4S em torno de 4.000 reais e um MacBook Air 11 por 12.500 reais.

          Diante da situacao, falei com um amigo meu e ele me deu a dica de ir no Paraguai comprar. Ele vive la e disse que existem lojas de revenda Apple e me surpreendi quando vi a diferença de um dólar no MacBook Pro de 15 Retina Display.

          Fui de aviao, e cheguei ontem. Comprei um MacBook Pro 15 Retina, um iPhone 5 32GB Preto e um iPad 4 geracao de 32GB. Paguei respectivamente: U$ 2.200,00 / 760,00 e 788,00. Ainda fiz Apple Care para o computador. Apenas retirei as caixas e coloquei tudo na mochila! Menos o telefone que veio no bolso. E olha que a fiscalizacao (Aduana) aqui na Argentina esta bem rigorosa!

          Para quem nao sabe, basta buscar em http://www.apple.com/la... vai em compar e escolhe Paraguai!

          Abraços Amigos,
          Anderson.

          • Anderson Pereira

            Para quem se interessar em fazer isso:

            -> Acesse: http://www.apple.com/la
            -> Clique em Comprar
            -> Em: Encuentra un Distribuidor ->Selecione Paraguay -> Ir
            -> Depois clique em Ventas
            -> Apague Ubicación actual e escreva uma cidade! Por exemplo: Ciudad del Este

            Se acabe!

            Dica: algumas lojas mesmo sem a informaçao do site, possuem uma pagina com preco de produtos e taxa de cambio. Geralmente é de R$ 2,15.

            E hoje me livro desse PC asqueroso do meu sogro, que me emprestou como quebra galho… com um teclado em espanhol e Windows 8… Nem acentuar, acentua. O Til por exemplo nao existe… Só digitando Alt+Fn 257… #aff

      • Daniel

        Reclamar da Apple dá mais ibope! Falar, principalmente mal da Apple então, vixe! Rende altas discussões e visitas/acessos a sites e blogs….

      • Italoo

        Pra vc ver …

    • João

      desculpem quem descorda, mas eu acho que a “graça” nos produtos da Apple é justamente a qualidade invejável que não se vê em outras marcas, por isso o iPhone e o iPad são referências de qualidade quando se fala em celular e tablet.

      só digo uma coisa, se a Apple fosse uma marca mais “popular”, ao invés disso:

      “CARACAA CARA, VOCÊ TEM UM IPHONE!!! POSSO MEXER NELE?? EU SOU LOUCO PRA TER UM!!”

      seria:

      “legal seu celular cara, tenho um motorola razr, mas pelo preço deve ser do mesmo nível né”

      😀

      • Thiago Sousa

        Eu sou um que discorda de vc… Não comprei o iPhone e iPad pelo status de ter um produto da Apple e sim pela qualidade dos aparelhos e pelo sistema.

        Me desculpe vc, mas comprar um gadget, caro como o iPhone/iPad por causa de status, na minha opinião, é simplesmente ridículo.

        • João

          nao comprei pelo status, mas perderia a graça se a Apple fosse apenas “mais uma” no ramo da tecnologia.

          • João

            você me entendeu mal, pois o que eu quis dizer, é que eu não reclamo de um aparelho pelo preço, se ele for bom.

            no caso do iPhone, custando até 3.000, ainda prefiro ter um que comprar um Galaxy S3, que daqui a uns meses com certeza vai começar a travar, ficar lento…

            • mario

              Ao contrário da lenda urbana, tenho um GSIII à mais de um ano e ele jamais travou, nem apresentou lentidão.

              Como consumidor consciente, posso compara-lo tranquilamente com o meu 4S.

              E ambos são muito caros rs!

            • elizeu

              Mario, só uma duvida. Disse ter um GSIII e um 4S, me explica uma coisa, como assim “consumidor consciente”, pra que os dois?

            • Wagner Ribeiro

              Eliseu, pessoas diferentes tem necessidades diferentes. Eu tenho 2 Iphones, um S3 e um Sony Exp e estou a um tempo pensando em adiquirir um WP. O mundo é assim. 🙂 a propósito, conforme nosso colega falou eu tb nunca passei por lentidão no Android e embora o S3 não seja feito com materiais de alto padrão, a sua qualidade é excelente. O próprio Sony que é um aparelho bem mais sem vergonha tb nunca ficou lento. Acho q o grande problema do Android é o fato dele rodar em aparelhos de baixíssimo poder de processamento, ai é claro que vai ficar lento. Seria o mesmo que colocar em uma Ferrari o motor de um fusca de 1970.

  • João Vitor

    Pelo menos em outros países é até acessível para a maioria, mas aqui no Brasil não.

    • Pedro HH

      Até que é acessível, mas por exemplo, se você for em um site americano, um blog qualquer de tecnologia, A discussão de preços é quase a mesma. O preço de um produto da Apple, a maioria fala quase a mesma coisa do que vemos diariamente em sites brasileiros: “ah, que preços abusivos, desrespeito ao consumidor americano”, ou até mesmo “com esse preço poderia comprar coisas melhores”. Quando eu vi um tópico falando do iPhone mais caro do mundo (esse título ainda é nosso rs) eles se perguntavam se tinha alguém que comprava por esse preço algum eletrônico do gênero.

      • Talles

        É verdade, quando passei uns tempos em NYC, a minha HOST viu que eu comprei um iPhone 4s desbloqueado de 32GB e um Macbook, ela pensou que eu fosse o cara mais rico do mundo, pois ela achava o iPhone de lá CARÍSSIMO !

  • João Pedro

    Ja vou ler

  • Marcelo

    Na boa, não é mesmo só a apple que tem preços altos! O Samsung GS3 com 4G custa 2,400 o mesmo preço do iPhone 5… Acho que isso já virou meio que um costume falar que a apple “abusa” dos brasileiros, enquanto as outros empresas está tudo certo!

    • Luiz Fernando

      Pelo menos tem 4G hehe!

      • Alex T

        Pra usar o 4g onde? Se nem o 3g pega direito, e pagar um plano de 4g no brasil!? Desculpa mais para um punhado de pessoas que reclama do preço da Apple pagar um plano desses é meio sem sentido!
        To feliz com meu plano básico no iPhone 5 com 3g!

  • Angel

    O problema é que o brasileiro paga…
    Em muitos casos, esta é nossa única opção.

  • Michel

    É geral mesmo… O preço do ar condicionado portátil (aquele de rodinhas que fica na polishop) custa na amazon 300 dólares. Aqui no brasil 3000 reais.. Aqui a diferença deles: http://www.amazon.com/Frigidaire-FRA053PU1-000-Portable-Conditioner/dp/B004P8K39G/ref=zg_bs_1193678_9
    http://www.polishop.com.br/AR-CONDICIONADO-PORTATIL-PINGUINO-TURBO-FREEZE-DE-LONGHI/p

    Não é só a Apple que abusa nos preços..l

  • Carlos

    Verdade? Sim, se aplica a celulares, tablets, carros, gasolina, etc… Tudo coisa produzida dentro do território
    Solução: Dificil pensar em alguma… Talvez estimular o povo a não parcelar nada, encalhando bem mais as coisas nas prateleiras poderia ajudar….

    O maior absurdo de todos é a gasolina que em lugares como Buenos Aires é mais barata, porém…. É a NOSSA!
    Serviços de celular também são os mais caros do mundo… Se eu não me engano, nos EUA um pulso de celular sai por algo em torno de 0,15 cents

    Posso estar falando besteira, mas a Apple não deve ter colocado Iphone5 ainda a venda aqui pelo site devido a outros lotes de 4S estarem engasgando ainda na “dispensa”… E por estarem desbloqueados não da para renegociar com as operadoras e estas desovarem… Seria legal se fosse verdade…

    • Antonio Gonzaga

      A gasolina na Argetina NÃO é mais barata que no Brasil!

      • Cleberson

        Não se esqueça que a Argentina não vende MIJOLINA, e sim gasolina pura. Aqui a gente paga só por 75% da gasolina que compra. Então mesmo que seja o MESMO preço, a gasolina Argentina é mais barata SIM.

    • Antonio Gonzaga

      Estive por lá entre dia 25/12 e 10/01 sempre pagando mais de 7 pesos o litro, o que dá no câmbio mais favorável de hoje mais de r$2, 80 por litro.

  • João Vitor

    Recentemente consegui comprar um iPhone 4 (já ultrapassado) por 630 reais, nos EUA, e que aqui no Brasil no mínimo pagaria 1000 reais
    obs: Comprei o aparelho usado

    • Fabricio

      quantos Gb joão ? vc comprou pela internet?

  • Jadson

    A questão sempre foi e sempre será essa maldita lei de altos impostos no Brasil, que faz com que tenhamos que nos sacrificar para comprar produtos bons e com preços totalmente diferentes de outros países bem mais pobres que o nosso. chego até a rir desse abuso de impostos, como um País que se diz auto-suficiente em petróleo tem o litro do mesmo 300 vezes mais caro do que na Venezuela? #BrasilPiada

    • Eduardo

      Jadson,

      O que faz com que produtos eletrônicos, carros e outros produtos tenham preços abusivos no Brasil, são as barreiras burocráticas e altas taxas de importação, que blindam o produto nacional de competição internacional. Esta é uma das coisas que herdamos da ditadura, e que só começou a melhorar com a abertura do comércio exterior em 1992.

      Já sobre o petróleo, nossa gasolina é muito mais barata do que a comercializada no mundo. Os governos venezuelanos, argentinos e brasileiros subsidiam o preço dos combustíveis para controlar inflação e câmbio. Devemos evitar comparações com países mais problemáticos que o nosso. A Venezuela é um país ímpar nas Américas, que pode pagar com petróleo todos os erros de seus dirigentes, e a Argentina aumenta cada vez mais sua dívida pública.

      Os mercados devem ser livres, intervenções governamentais provaram historicamente ser o pior remendo para um país que quer estar entre os grandes.

      • André Pelegrini

        Lehman Brothers e os subprimes de 2008 mandam lembranças!

        O problema não é regulamentação e sim falta de objetivos na regulamentação, exemplo temos as Agências Reguladoras, embora não tão eficazes, sua falta abriria portas para um criolo doido nos serviços que mal temos hoje.

        A solução é uma só: Conscientização. Está caro? Não compre. Nada muda de um ano para o outro? Repense seu voto. Lei de mercado é isso aí, pena que tivemos uma amostra dessas antes da última redução de IPI e ninguem se ligou.

  • Alexandre Bucci

    Somos culpados se pagamos com a mesma moeda :/

  • Vítor

    Quando eu vi o abaixo assinado que os brasileiros fizeram pra Apple eu comecei a rir. A Apple podia sim diminuir os preços dos produtos fabricados aqui, mas o abaixo assinado deveria ser feito para a Dilma e não para a Apple. O governo é sim, o culpado por isso tudo, não a Apple. Não sei pra que tanto imposto sendo que nem resultado disso nós obtemos. Se pelo menos com isso o Brasil evoluísse né? Mas infelizmente, isso não acontece.

  • Fabio

    Não é bem a apple que tem o preço caro. Vcs da prestaram atenção na nota fiscal de venda de um produto como o Ipad por exemplo??

    Tem mais de 30% de impostos é um absurdo! A garfada do governo é mto grande….

    Como dia a JP. BRASIL O PAIS DOS IMPOSTOS!!!

  • Heitor

    Concordo, iLex, que não é só a Apple que pratica altos preços no Brasil. Mas é aquela história, uma coisa não justifica a outra, ambas estão com preços muito fora dos padrões que alguns brasileiros podem pagar. A questão é que os preços da Apple deveriam ser justos (como seu próprio texto diz, iProducts são fabricados por aqui), então porque isso, será que é só a carga tributária a culpada?

  • Heitor

    Sem querer floodar, mas só pra complementar, eu tô com um iPhone 4S e um Galaxy S III (que tambem é muito caro e pretendo vender logo), juntei o dinheiro pra comprar o iPhone 5, e mesmo sendo meu sonho de consumo no momento, não tenho vontade de pagar os R$2400 por aqui, é triste, sinceramente.

  • Leonardho Rodrigues

    BRASIL: Sinônimo de IMPOSTOS

  • Bruno

    Lí o artigo e ri demais, na boa, que louco ira pagar 3500$ por um tablet com windows 8?? Não é um sistema ja estavel e consolidado como o IOS e Android, sou usuario dos dois OSs e sei que a experiencia do iPad é unica e perfeita, ja testei um Galaxy tab10 e achei legal tbem. Esse papo que “a apple pratica os preços mais altos do mercado” ja caiu por terra a tempos, tem muitos gadgets da Samsung, Sony, LG com preços absurdos tbem. Acho o preço do iPad justo pelo que ele oferece, uma pena que roubaram o meu, mas ja to juntando a grana para pegar outro. 🙂

  • João

    A verdade ninguem abusa dos brasileiros, ninguém obriga a comprar com esses preços. É abusado só quem quiser. Temos pouquíssimas coisas, aqui não temos muitas novidades e as poucas coisas que se encontram no Brasil ridiculamente caras, a pergunta é, de quem é a culpa?

  • Samuel

    Não é só a Apple que pratica preços abusivos e ofensivos no Brasil, mas o fato de outras empresas também praticaram não justifica em nada essa falta de respeito.

    • Carlos

      Disse tudo.

  • Rafa | Arruma Blog

    Só achei que o uso da discussão aqui colocada foi muito bem usada e claro, é propícia ao olhares leigos aos produtos da Apple que, conhecendo um pouco da história da empresa, é possível entender que ela não desejava parte do mercado e sim produtos com qualidade e significado.
    Li o argumento do Gizmodo e cheguei a conclusão de que realmente a Microsoft deu uma de doido e não sei se foi só eu que notei nos 20 minutos (somados de todo o tempo, claro) que vi a novela da Globo, salve Jorge mas parece que a Microsoft ta pagando uma pequena publicidade desses tablets para a comunicação entre o pessoal.
    Concordo que o valor do tablet da MS ta caro, mas o valor de um produto Apple ainda mais fabricado aqui no Brasil será sempre caro aos olhos de tudo o que já aconteceu e pelo imposto. Não entendi como o nosso governo não disse para a Foxconn ‘sair e fechar as portas se não colaborar’. Acho que um caso como esse da Foxconn também ocorreu com a Mercedes. Bosta, todas as empresas tão tacando um F$#@-C e mesmo no Brasil, cobrando valores de importado.

  • Rui

    Aqui no Brasil é um abuso os preços. So tenho meu iphone pq comprei fora 🙁

  • Anderson

    MUITO CAROOOOOOOO! vale mais apena comprar um macbook

  • Marcos

    Acho válido argumentar que os preços de impostos aumentam demais os preços dos produtos, mas não é só isso.

    Os preços são altos no Brasil porque os custos logísticos são imensos, apesar da ineficiência na área (frete alto, estradas ruins, armazenagem cara, portos caros, etc).

    As sedes das empresas estão em lugares caros (os imóveis em SP e no RJ, onde a maioria tem sede, estão extremamente valorizados).

    A mídia é cara (TV, jornal, canal varejo – uma simples folha do catálogo da Fnac, por exemplo, supera os R$ 20 mil, imagine o de outros varejistas como Walmart, Extra e Carrefour, fora os valores de contrato e bonificações).

    A mão de obra é cara, e não se deve apenas aos impostos em folha. Os salários dos Brasileiros estão valorizados (mas a impressão ainda assim o poder de compra é pouco). Além disso, é comum ex-empregados acionarem as empresas na justiça em busca de indenizações. Por mais arrogante e mesquinho que possa parecer isso, mas o fato é que o Brasileiro CLT trabalha 11 meses por ano e recebe 13 salários, por lei. (30 dias de férias remuneradas, fora os 30% adicionais).

    A infraestrutura no País é cara: luz, internet, gasolina, gás, etc. As despesas operacionais disparam.

    São apenas alguns exemplos. Não estou justificando nem concordando, mas quando olhamos todos estes fatores sob a ótica das empresas estrangeiras, deveríamos é tirar o chapéu por eles não desistirem de vender seus produtos aqui e continuarem investindo no Brasil. E sim, acaba sendo justo a margem deles ser maior também, por conta de todos os riscos que envolvem o planejamento.

    Fazer negócios no Brasil é muito difícil. Empreender mais ainda. Cabe a nós, como consumidores, pressionar o governo por reformas que melhorem esse cenário. Reclamar de Apple, Samsung, Microsoft e quem for é muito cômodo… Não tem segredo: custos mais baixos, produtos mais baratos.

    • Alessandro Neiva

      Amigo, seus argumentos são bons mas eles têm uma falha gritante: De que adianta o governo brasileiro dar incentivos fiscais às empresas estrangeiras e estas não repassarem este desconto aos consumidores?Pense comigo: você está vendendo seu celular à 100 reais (30 reais vc gasta produzindo-o , 30 você paga de imposto e os outros 40 são seu lucro.) Você recebe 30% de desconto em impostos, mas poucas pessoas sabem disto. Ou seja, seu produto custa 30 reais a menos no seu custo de produção, e você não terá que pagar nada em impostos. Este desconto pode se tornar LUCRO se você não resolver repassar este valor para seus consumidores. Aí é que está a falha: A legislação brasileira não obriga as empresas a repassarem este incentivo fiscal aos consumidores. E as empresas adoram estes incentivos pois as coisas podem continuar mantendo o preço dos seus produtos para os desinformados e obtendo mais lucro em cima dos produtos. ;D

      • Marcos

        Sim, a concessão de um incentivo fiscal obviamente já deveria prever uma contrapartida ao consumidor na outra ponta, é muito lógico. Pelo menos na minha cabeça, só na do governo que não… mas o fato do governo atual não exigir essa contrapartida atualmente não torna o meu argumento anterior inválido…

    • Junior Max

      +1. Mais também acho q as empresas em sua maioria se aproveita disso.

  • Adriano

    A Apple não é cara não. Agora importar as coisas seja de onde for aqui no Brasil é que é uma verdadeira bosta. 60% + ICMS+ taxas alfandegárias, afffffffffffff nessa vc já se f…

  • andre mendes

    O tablet Nexus 7 chegou ao Brasil por 1.300, por exemplo. O ipad 2 e até mesmo gastar um pouco mais para terto ipad 4 é bem mais interessante que gastar com um Nexus.

  • Lenon Mello

    Ipad mini tem alguma data de lançamento no Brasil?

  • Lucas

    Eu concordo com a expressão “os preços são abusivos”! Torço para que todos os produtos da apple sejam fabricados aqui no Brasil. Acho que só assim os aparelhos custariam um menor preço. Embora os produtos da apple sejam bem caros, a qualidade é nota 10. Sou muito satisfeito com os aparelhos que possuo da marca. Ainda quero comprar um MacBook Air, mas é caro demais. Acho que se o preços fosse justamente relacionado ao custo de vida aqui no Brasil, esses produtos seriam mais baratos, mesmo que ainda tenhamos muitos impostos cobrados em cima dos produtos.

  • Diego

    Isso acontece porque brasileiro paga e pronto,eu não compro nada por mais de R$ 1000 ,pois levo em conta o salario minimo que é de R$ 678,se nos EUA onde o salario é cera de $ 1200 e um Iphone $ 650,porque aqui temos que pagar tudo por preço de ouro?infelizmente o brasileiro perdeu o bom senso,é so ver o quanto de vocês pagam,aqui tudo é vendido como se fosse luxo por isso eles vendem caro,pois no Brasil tem se um conceito.”QUANTO MAIS CARO MAIS MELHOR DE BOM SOU EU!!!!”

  • deyvisson

    Compre fora!!!! Se não pode viajar agora, solicite algum AMIGÃO para trazer pra vc. Somos roubados de todos os lados aqui no Brasil. Já que não dá pra trazer carro na mala e etc, vamos dar um jeito e pelo menos economizar uma graninha trazendo equipamentos pequenos de fora. Não se dobre aos preços absurdos do Brasil!!!!

  • Rodrigo Samuel

    Pessoal, na boa, deixa essa vibe.

    Já fiquei muito indignado com isso. Agora não tô nem aí!

    Tem coisas na minha vida realmente importantes para me preocupar. Creio que vocês também tem.

    Se tem gente que quer e pode comprar, que compre, não tô nem aí.

    Eu não compro. Se você não concorda com o preço porque considera abusivo também não compre, simples.

  • Rickman

    Ta certo a estratégia de mercado em relação aos preços
    Surface RT = Mac Book Air
    Surface Pro = Mac Book Pro Retina

    😉

  • Leandro

    É que no Brasil todo mundo quer dar uma mordida na maça ,maldita tentação rs

  • Leonardo Negrisoli

    É cultural cobrar mais caro….

    Saiu uma reportagem no UOL que apartamentos em SP custam mais caro que certos Castelos na Europa.
    Tem ap. em SP de 24 milhões de reais e castelos sendo vendidos a 6 milhões de euros…

    O lucro Brasil somado aos impostos “justificam” esses preços.

    Uma vez li que nos EUA a política é vender muuuuito por pouco. Aqui no Brasil é vender pouco por muuuuuuito. É só ver os preços do “uniforme” Hollister. US$10 uma camiseta simples que custava RS105 aqui…. Se vc comprar lá e mandar entregar aqui fica mais em conta… é ridículo.

  • Igor Enrik

    O problema não é a empresa, e sim o país que abusa dos seus habitantes. O país que cobra juros irreais e ilógicos para “proteger o mercado interno” sendo que o país nem mercado interno tem, se quiser algo de qualidade temos que comprar produtos importados pois os nacionais não prestam por falta de incentivo do governo, exemplo o que esta acontecendo hj, abaixa o preço da luz mais a gasolina esta 3,04 o litro, e países que comprar a nossa gasolina o preço é menos da metade do preço daqui. Isso pq somos “auto suficientes” em gasolina.

  • JP

    Não é a Apple em si que pratica preços tão abusivos, os impostos são os que mais “ajudam” no aumento dos preços…

  • Rodrigo

    O que não da para entender é como um produto que lá fora fica mais barato ou se mantêm no mesmo preço e aqui fica muito mais caro, a vantagem dos preços abusivos, que com o valor dos impostos (ou não) fica mais viável viajar e ir comprar lá fora mesmo.

  • Welh

    Não é só a Apple que tem produtos caros aqui, mas isso não deixa de ser um motivo pra cobrar. Todos nós sabemos que essas empresas só querem lucrar e os impostos do Brasil não colaboram junta tudo isso e vemos esses maravilhosos preços dos gadgets. Continuo afirmando: É um absurdo vc pagar R$12.600,00 em um Macbook por mais impostos que existam isso não justifica esse preço, o mesmo vale para o Iphone que na versão 4s 16gb sai por R$1999,99, não tem lógica esses preços. A Apple tem uma imagem de marca luxuosa, sofisticada não que ela não seja , mas isso pesa muito nos preços ( opinião), agora quanto as outras marcas e produtos são caros sim, porém existem mais alternativas e preços mais reais, talvez isso faça com que todos voltem os olhos e as reclamações para Apple. Não adianta só reclamar,acho que não existe outra solução a nao ser comprar lá fora ou escolher outros produtos de outras marcas.Só o tempo dirá o rumo que a Apple dará aos preços praticados aqui. E quanto ao Surface Pro é só “fogo no rab*” duvido muito que esse híbrido terá um número bom de vendas com esse preço, apesar de todo potencial que ele tem. Quando as vendas estiverem ruins eles irão abaixar os preços.

  • Vinicius

    A diferenca eh que produtos de outras marcas chegam aqui muito caros, e depois abaixam bastante o preco. Isso nao acontece com produtos apple. Pelo contrario…

  • SongBird

    O novo nexus que saiu aqui por R$1.299 custa US$199.
    O problema é um só: nao moramos nos EUA!

  • Cleyton

    Acho que o caso do preço dos tablets com Windows se assemelha ao caso dos videogames da última geração. As empresas estão tentando “descobrir” o preço que o produto vale para o público. Pra isso, colocam um preço lá em cima, que provavelmente deve baixar nos próximos meses se não houver procura…

    No caso dos produtos Apple, seja qual for o motivo, ele já tem um preço “fixo”, que é sim mais caro que os mesmos produtos de outras marcas. Então eu esperaria mais alguns meses para ver se esse preço “vinga”, e aí sim eu abriria novamente a discussão 🙂

  • Profeta

    Podemos usar a contra-cultura de preços abusivos: não compre.
    Há mais de ano que tenho interesse em trocar meu iMac e um Mini por modelos mais novos mas os valores cobrados aqui são proibitivos demais.
    Vou guardar $$$ e nas ferias vou ao Chile que compensa mais comprar lá e se arriscar a ser taxado na alfândega do que comprar por aqui.

  • Marcelo

    As pessoas reclaman dos preços, mas vai olhar os aparelhos concorrentes… Galaxy SIII tá R$1.999,00 na Claro em SP… Prefiro pagar um pouco mais e comprar o iPhone!! Não compro mais celular com ANDROID nem por R$ 1,00 ! Esse lixo!

  • Carlos

    A questão é que muita gente (especialmente empresas) culpa o imposto pelo principal motivo do alto preço aqui no Brasil. O que eu duvido muito é que haja um imposto que faça o valor de um produto ser 4, 5 , 10x maior do que o valor original vendido em dólar. Muitas empresas se escondem atrás disso pra colocarem o preço que quer em seus produtos aqui no Brasil.

    No caso do iPad, se vc for pro EUA, vc paga U$799 num produto e no Brasil, o mesmo produto custa R$2.250. Chega ser ridículo. E a Apple tem parcela grande de culpa sim.

    A culpa não é da Apple apenas, mas ela pode ajudar começar a mudar, lançando produtos novos no preço que era o antigo pelo menos e abaixando o antigo.

    Eu estou com o iPhone desde o 3G, e dele até o 4, a cada lançamento, o preço sempre se manteve, fazendo com que a versão anterior tivesse uma queda no preço. Isso acontece no EUA até hoje.
    O iPhone 5 custa hoje o que custava o 4s há 1 ano atrás. Eles colocam o preço que querem e vão continuar aumentando pelo simples fato que todos continuam a comprar (incluindo eu). Mas essa é outra discussão que não vale entrar no mérito.

    Eu acredito que pelo fato da Apple sempre ter ditado as regras até pouco tempo atrás, poderia continuar fazendo algo parecido no quesito preço aqui no Brasil. Isso faria com que os concorrentes pensassem 10x antes de cobrar algo num valor ridículo.

    Isso é uma discussão nossa sobre um produto relativamente “barato”. Quando você começa ver isso em bens “maiores” como carros, vc fica revoltado ao saber como pode pagar R$200.000 num carro como o Camaro por exemplo sendo que num EUA da vida vc paga pelo MESMO carro a partir de U$23.000 . Tem que rir… pra não chorar!

    • Carlos

      É isso ai. Não tem NENHUMA desculpa para lançar aqui, por um preço maior um modelo novo, que lá fora mão subiu de preço. Nada justifica.

  • Danilo

    Qr comida mais barata que aqui? Vai pra África do Sul!
    Acabei de vir de lá, cheio de vontade de voltar

  • Andrey Lanhi

    Enquanto existirem consumidores idiotas as empresas vão aumentar cada vez mais e mais os preços !!!

    • Junior Max

      +1

  • Carlos

    Concordo que no Brasil qualquer de preço de qualquer coisa é abusivo. Mas isso não me impede de reclamar quando um iPhone novo que é lançado pelo mesmo preço do antigo em outros lugares do mundo, no Brasil a Apple lança mais caro.
    Quando um iMac novo mantém o preço do antigo no USA e no Brasil ele é lançado com um aumento de R$ 2.000,00 não tem como não ficar revoltado. Porque no Brasil o preço sobe se ele é mantido igual ao anterior lá fora? Se não for desrespeito com o consumidor brasileiro então eu não sei o que é.

  • Carlos

    Concordo que no Brasil qualquer de preço de qualquer coisa é abusivo. Mas isso não me impede de reclamar quando um iPhone novo que é lançado pelo mesmo preço do antigo em outros lugares do mundo, no Brasil a Apple lança mais caro.
    Quando um iMac novo mantém o preço do antigo no USA e no Brasil ele é lançado com um aumento de R$ 2.000,00 não tem como não ficar revoltado. Porque no Brasil o preço sobe se ele é mantido igual ao anterior lá fora? Se não for desrespeito com o consumidor brasileiro então eu não sei o que é.

    • JP

      Tecnicamente, o preço do iPhone se manteve o mesmo do anterior nos EUA, e aqui não porque as operadoras tinham certeza que muita gente ia comprar devido às “agitações” na internet principalmente. Não é a Apple que está “jogando” o iPhone aqui mais caro. São as operadoras. Tanto que daqui um tempo, o preço cairá… quando a procura também cair.

      • Carlos

        Então quando o iPhone 5 for vendido no site oficial da Apple Brasil o preço vai cair em comparação ao praticado hoje pelas operadoras e ficar igual ao que é hoje o 4S já que a Apple é justa com o Brasil? E por que o novo iMac que vende no site deles é R$ 2.000,00 mais caro que o antigo e lá fora o preço não mudou?

        • Lá fora não tem variação do dólar, Carlos. Você está ignorando diversos fatores antes de fazer sua análise, aí ela não fica tão equilibrada…

          • Carlos

            Mas iLex para o bem da sua proposta de uma discussão saudável sobre o assunto.
            O lançamento do 4S (que já havia aumentado em relação ao 4) foi feito em 14/12/2011 com dólar a 1,86 e valor de lançamento R$ 1.999,00.
            O lançamento do 5 foi em 16/12/2012 com dólar a 2,08 (estava nesta semana em pico de cotação, pois nas semanas anteriores vinha com histórico baixo) e preço de R$ 2.599,00. O preço aumentou 30% (um terço) e a cotação do dólar aumentou 13%. Talvez tenha algo que esteja fora de meu raciocínio, mas a principio não consigo achar justificativa.

  • Romulo

    Acredito que a Apple tenha parte da culpa sim. Antes, parte de seus produtos eram produzidos no exterior e tinham um preço “X”. O governo incentivou a abertura uma fábrica no Brasil com intuito de abaixar o preço, e o mesmo continuou no “X”, talvez até mais! Mas é aquela velha história, se tem quem compre, não há motivos pra abaixar!

  • Glauco Motta

    A verdade é que o nosso próprio governo vende nosso mercado consumidor que confunde preço com qualidade lá fora como motivo para as fábricas se instalarem aqui e pagarem mais impostos. E o governo faz questão que os preços permaneçam altos pois isso gera mais arrecadação de impostos.

  • Felipe

    Desculpe aos demais, mas apesar do todos os problemas logísticos do Brasil, alta carga tributaria etc o único motivo, na minha opinião, de ainda assim os preços serem absurdos é pq as empresas sabem que brasileiro paga qualquer coisa (vide entrevista do presidente da Ford sobre o preço dos carros aqui). Então meus amigos se não tivesse gente pra pagar fatalmente baixariam os precos e manteriam a margem de lucro a mesma dos EUA.

  • Giovanni

    É comum um produto importado ter mais de 100% (não que o imposto total do Tablet seja isso, não verifiquei agora) de imposto no Brasil, considerando isso junto com o dólar alto e a margem de venda do varejo não é incomum vermos um Tablet de 500 dólares ser vendido por 2500 reais.

    No caso da Apple muito desse imposto vai embora com a produção de equipamentos em território nacional (claro que nem todos os produtos da Apple são fabricados aqui), mas ela não tem a obrigação de reduzir o preço. Óbvio que o custo operacional no Brasil é infinitamente maior que na China por exemplo mas ainda assim creio que poderíamos ter preços melhores.

    Óbvio que nem tudo são flores, mesmo com os benefícios que a Apple tem por aqui a complexidade tributária no nosso País é ridícula e acredito ser um dos grandes fatores que fazem a Apple investir antes em outros mercados mais promissores ou menos burocráticos. Acredito que ainda veremos progresso por parte da Apple aqui, mas vai demorar.

  • TiãoGavião

    Eu vou fazer o que um consumidor deve fazer = boicotar!!
    Não compro mais nem Apple e nem quem quer me explorar, sem vender preço cai, garanto 😉

    • Luiz Fernando

      Sem vender, a apple vai embora do Brasil. A culpa nao é dela, é do governo de merda, que aplica os altos impostos sobre produtos…

  • bryanuhlig

    Depois dizem sálario mínimo aumento 56 reais , desculpe o palavreado mas Q bosta. Muitos impostos que são pagos , sem nenhuma melhoria. IPVA – IPTU entre outros ,dai eu falo você trabalha o mês todo e ainda uma fatia vai para o governo ,que deveria fazer melhorias. Seu salário Sobe e junto com ele o preço do combustível ;transporte;alimentos é uma pena que o aumento do salário não é proporcional ao aumento do alimento ; impostos ; transportes . Agora que o brasileiro pode poupar sendo que até no produto vem mais e mais impostos.

  • JP

    Todo mundo se esquece que existe a lei da oferta e da procura. Está caro? Não compre. Simples assim.
    Tem gente que pode e necessita trocar porque o antigo está com problema, ou muito ultrapassado por exemplo. Mas o que vi de gente passar do 4S pro 5 na minha cidade, foi assustador. E NENHUM pegou de 16GB.
    Tá aí o problema. A pessoa não precisa trocar mas vai lá e troca simplesmente porque pode (ou não, mas mesmo assim compra).
    As coisas só mudarão no Brasil quando a população se conscientizar. Isso não vai acontecer de hoje pra amanhã, nem esse mês, nem esse ano… Mas se todos começarem a mudar as atitudes como consumidores, chegaremos a um objetivo comum aos brasileiros. 😉

  • Fernando M.

    Todo mundo fala que é caro e tal mas veja o que aconteceu semana passada:

    Eu estava indo trabalhar e quando parei no sinal um onibus parou do meu lado e tinha dois “pelegos” com iphones tirando fotos de uma moto, um dessas de 3 rodas, guidao alto… poxa como que pode estar caro se todo mundo tem? Eu gostaria que mesmo que ele fosse mais exclusivo mesmo que para isso aumentasse um pouco o preço…

    Com o ipad acontesse a mesma coisa, só ir na sala de embarque e reparar.. é chamar o embarque da gol só da a pelegada que compra passagem com milha guardando os ipads… pelo menos os macbooks ainda são caros e você não encontra na cantina da faculdade 100 pessoas usando.

  • dudu

    eu que to mais no sul(santa catarina) sei que no brasil é geral mesmo… os split no uruguay é metade do preço… o que tem de carro lá buscando split não é brincadeira….. e ja eletronicos preços com dolar no valor de hj o ipad por exemplo fica mesmo preço ou ate mais caro….

  • Caio

    Os produtos bose no brasil são sinistramente caros !!!!

  • Luis

    Não, o Blackberry Torch 9800 custando 2500 na época que era vendido era um abuso muuuito maior do que o iPhone!
    Pelo menos um iPhone vale a pena o que se paga, diferente da Blackberry!
    Pelo menos na parte de celulares, ponto da Apple!

  • Anderson

    A grande questão dos preços dos produtos no Brasil é que os exemplos que a empresas que desembarcam aqui tem exemplos claros de que podem cobrar valores abusivos e ninguem reclama… Vide os carros (maiores vilões do nosso país), eletrônicos, importados em geral, ate o que é fabricado aqui tem seu valor inflado, ja que os importados “vendem caro” porque os nacionais não vendem? Ciclo vicioso, nós aceitamos e eles continuam vendendo, as empresas americanas vendem com margens mínimas e ganham dinheiro na quantidade, aqui os empresários preferem vender caro e pouco, é uma prática de preguiçoso e de poica concorrência… Temos muito outros motivos, A conversa vai longe…

  • @WendellGun

    É tudo caro nessa por** de país. Temos os maiores impostos, os maiores salários de políticos e de quebra os mais corruptos do MUNDO. Odeio essa elite que monta em cima do povo brasileiro trabalhador e que alem de tudo não sabem gastar o nosso dinheiro para o nosso benefício. Tai a Dilma enchendo a boca em horário nobre dizendo que está DANDO um desconto na nossa conta de luz. O que NÃO é verdade.
    Agora fazer ‘pronunciamento oficial’ sobre o aumento da gasolina ela não faz né? pff

    O que eu poder comprar fora desse país eu compro só o que tem ai é site internacional que entrega no Brasil e vende super barato. Só pra ter uma ideia se eu fosse comprar meus suplementos aqui no Brasil ( Whey Protein Hidrolisado + Creatina) eu pagaria R$500 com frete. No site internacional eu pago R$200 com o frete. A diferença é gritante.

  • João Alexandre

    O grande problema é que no brasil somos obrigados a pagar taxas estupidamente altas e isso acaba encarecendo praticamente tudo que vem de fora (e não é pouca coisa).Temos que lutar para que o governo faça a manutenção dessas taxas e as torne mais acessíveis para a população.

  • André Luiz

    Quem sai ganhando aqui no Brasil é o Android. Porque ele pratica os preços mais baixos mesmo com hardware mais defasado. O usuário final quer pagar mais barato em primeiro lugar.

  • Felipe

    Eu axo q os precos da maca no br sao abusivos, porem os produtos sao indiscutivelmente superiores.

  • JanjaBoy

    Vou contar uma história sobre o “LUCRO BRASIL” que tem muito a ver com os presos praticados aqui.

    Tenho um amigo que estudou nos EUA. Lá ele conheceu um outro “brazuca” e moraram juntos para dividir despesas. Ficaram grandes amigos, um estudava eletrônica e o outro música.
    Tempos depois eles se encontraram no Brasil.
    Já casados, vida estabelecida e tudo mais.
    Num bate-papo o músico perguntou: “onde você está trabalhando?” e o engenheiro em eletrônica falou; “na Dell”
    Claro que a pergunta seguinte foi: “me diz uma coisa, porque computador no Brasil é tão caro?”
    E a resposta foi: “imagina que um computador Dell no Brasil, rende um lucro de 30% e nos EUA 4%, isso já explica muita coisa”

    Pois bem, muita gente pode achar que minha história é fictícia porque a fonte sou eu.
    Mas, para ilustrar melhor,mvejam esses dados: http://www.noticiasautomotivas.com.br/lucro-brasil-faz-o-consumidor-pagar-o-carro-mais-caro-do-mundo/

    • Overlord

      Sim, o lucro das empresas por aqui é absurdamente grande.
      Não é à toa que, se tu fores ver o balanço comercial de grandes empresas estrangeiras, as filiais brasileiras se destacam na questão geração de lucros. 🙁

      Mas não são só as empresas estrangeiras, JanJa.
      Contando um causo:
      Fui comprar um conjunto de panelas “gourmet” de uma famosa empresa brasileira que fabrica produtos em aço inox (conhecida mais exatamente pelas panelas).
      O custo de importar este conjunto de panelas, via Amazon, pagando impostos e frete foi muito maior do que se eu fosse comprar em um revendedor aqui no meu estado.
      Isto que a fábrica da tal empresa fica na serra gaúcha, a poucos quilômetros de Porto Alegre.

      Enviei email para empresa questionando isto: a resposta? disseram que, aqui no Brasil, este conjunto de panelas é um produto de luxo, de nicho, voltado para a “classe alta”.
      Lá no exterior, não passa de um simples conjunto de panelas. Aqui, é um “produto de luxo”.

      E ainda há outro detalhe: a qualidade do produto feito no exterior me pareceu bem superior ao mesmo conjunto feito por aqui.

    • Paulo

      Era exatamente isso que ia comentar. O Brasil realmente possui muitos impostos, mas o maior culpado disso tudo é o consumidor. Os preços são caros pq a gente paga por eles.
      O carro é um ótimo exemplo disso. No México o mesmo carro sai muito mais barato e isso ocorre pq no Brasil o consumidor não se importa de pagar um absurdo pelo valor dele. E se o consumidor paga pq as empresas vão baixar os preços?
      A culpa é nossa também!!! Não adianta só culpar o governo.

  • Arge

    Fatos:

    1) no Brasil tudo é bem mais caro
    2) nos EUA, iphone 16gb = 650 USD e Galaxy = 700 USD. No Brasil iphone = 2.400 BRL e Galaxy = 1.800 BRL

    Minha conclusão: sim, o iPhone está exageradamente caro no Brasil. Todos os meus conhecidos compraram o iphone nos EUA!

  • Thiago Sousa

    Eu já disse varias vezes aqui que não é só nos produtos da Apple que nós brasileiros somos explorados, mas em todos os produtos de todos os segmentos. Olha o preço da gasolina por exemplo subindo de novo, por exemplo!! Ou todo mundo aqui acha justo pagar R$ 25.000 num carro popular, pra citar outro exemplo?

  • Leonardo

    O certo seria ninguém comprar, ou seja, pouca demanda o preço cairia. Mas em se tratando de Brasil, é utopia. Depois que eu vi pessoas fazendo fila pra comprar um iPhone 5 de R$2400 a R$3000, vejo que brasileiro se contenta em ser explorado e ser tratado como otário.

  • iegor s jr

    iLex… uma solicitação: bota aí um jeito de a gente curtir os comentários, por favor!
    Tem uns aí que merecem até destaque, prêmio…
    Alguns pela qualidade informativa, outros pela qualidade cultural e outros pela humorística!
    É muito bom ler esses comments!

  • Dorinhavasc

    O brasileiro antes de mais nada deveria valorizar mais o seu dinheiro. E deveria também aprender a boicotar, tá caro, acima da média, não compra e ponto final. Se “todos” (o que seria um grande milagre e eu não acredito em milagres) se unissem e não comprassem, fechassem a carteira, o Brasil seria outro!
    Pagamos tudo mais alto,muito alto em relação aos outros países.
    Mas em fim, Brasil não muda porque seus cidadões não mudam, e o que gostam mesmo é de reclamar e depois comprar, mesmo que pra isso se endivide todo, afinal o importante é ter. Todo brasileiro e pessoas que vivem no Brasil sabem que este país é um grande ladrão de impostos, todos tem conciência disso, mas sempre fica por isto mesmo, falta união, atitude!

    • Luiz Fernando

      E nao falem em boicote, seria ineficiente… O necessário é a movimentação popular pela reforma trinutária! Um boicote só dificultaria a vinda de aparelhos de empresas internacionais, já que parariam de ter lucro e consequentemente, interesse no país.

  • Igor

    Temos que revolucionar(ou normalizar, como preferir) essa porr4, pois um pais é feito pelo povo e não pelo seus governantes… Tá na hora de reclamarmos, mas quando digo nós, não estou falando de centenas ou milhares de pessoas e sim de milhões…
    Vamos fazer movimentos! Temos os impostos mais altos do mundo e mesmo assim temos um sistema de educação deprimente.
    Chega de trabalharmos dobrado para proporcionar papel higiênico em notas de 100(com camada tripla) para essa cambada.

    Nós jovens que falamos tanto: “vamo mexe”. Por que não nos mexemos para fazer alguma coisa útil?
    SIM, NÓS PODEMOS!!

    “A voz do povo ecoa mais que qualquer interesse de qualquer rei”.

  • SongBird

    Por que ao invés de todos nós ficarmos falando “vamos boicotar”, por que não promovemos um boicote aqui no Blog?
    Este Blog tem muita influência, pois é a referência sobre Apple no Brasil e é um jeito gigante de todos verem que estamos boicotando a Apple Br.
    VAMOS PROMOVER UM BOICOTE AQUI NO BLOG!

  • Fábio Curiel

    Logo a Dynacom lança um tablet com windows e fica mais barato rsrsrsrs.

    • Ou a Gradiente… 😛

  • Tenuto

    O problema dos preços estarem altos é nossa, não só com o iPhone, mas em tudo, o brasileiro compra em 12, 24, 36,….,60 vezes, ai da para pagar um valor pequeno ou que cabe no orçamento por mês e pronto, ficamos satisfeitos, só que os empresários sabem disso e colocam os preços lá em cima, se tivéssemos mais consciência não compraríamos, eles não venderiam e assim o preço abaixa, só que é o seguinte, eu posso comprar eu compro e se você não pode não é problema meu, coloca o preço que é vendido o iPhone aqui no Brasil nos EUA para ver se vão vender.

    • Luiz Fernando

      Ignorancia… O problema dos altos preços é a absurda carga tributária!!!!!! Vcs acham q as empresas tem culpa? Elas queeeerem vender, e MTO! Vender mais por menos, é assim q funciona nos Eua. Aqui, as empresas tem que fazer o contrário, senão os lucros sao minimos… O problema dos preços brasileiros SAO SIM os impostos.

  • Rodrigo

    Para fugir desses preços absurdos existem duas formas. Uma é comprar pelo mercado livre de gente que trouxe o produto por vias duvidosas e outra é importar o produto legalmente. E quanto custa em media para importar o produto legalmente? Em media o dobro. Ou seja se o produto custa lá 500 dolares para ele ser entregue em sua casa pagando todos os impostos irá custar 1000 dolares. Tem produto que vale a pena importar mesmo que custe o Dobro, um exemplo é esse tablet.

  • Philippe

    é como vários falaram aqui, o brasileiro compra e pronto. O iPhone pode custar 5.000,00 e vai vender todos nas lojas da mesma maneira, pq o brasileiro compra! ou rico ou pobre, agente compra mesmo assim. O jeito é não comprar nada da Apple se vc nao concorda com o preço e nao juntar alguns salários pra comrpar os produtos dela no Brasil.

    • Daniel

      Errado. Tudo aqui é mais caro por causa da alta carga tributaria.

  • Wendell Leon

    Eu achoque poderiamos juntar os blogueiros e comentaristas mais famosos assim como o iLex e criarmos um site e fazer um movimento com os leitores de envio de email parao Tim Cook pra que eles ficassem cientes do numero de fãn que tem aqui no brasil que não podematualizar seus iTrecos anualmente devido o valor imposto por eles (sei que não é só culpa da Apple),acho que realmente se fizessemos algo GIGANTESCO poderiamos sim ter uma repercussão e é claroque se a Apple gostar seria um GRANDE passo pros fãns da marca no Brasil. Depende da coragempra tomar a iniciativa, só que eu, sou um simples leitor.

  • Rodrigo

    Nexus 7

    EUA > US$ 199,00~249,00
    BRA > R$ 1299,00~1500,00

    Precisa mais?

  • Evandro

    Esse tipo de discussão é pertinente, porém é necessária uma pesquisa bem complexa para se chegar a uma conclusão válida. Tal discussão acerca de preços de produtos eletrônicos caros é a mesma a que ocorre em relação aos preços de veículos aqui no Brasil. A conclusão bem prematura que se tem é de que além da carga tributária elevada, as empresas com absoluta certeza aplicam uma margem de lucro bem superior a aplicada em outros países.

  • Cristiano

    O nome disso é ganância! Todos os empresários brasileiros querem ganhar muito, não são somente produtos eletrônicos, pesquisem sobre o valor que pagamos nos veículos automotivos, nas roupas, perfumaria, etc. Sem contar o governo que daqui uns anos vai cobrar imposto até do ar que respiramos, respirar oxigênio em solo brasileiro vai ser caríssimo. rsrsrsrsrs

  • Italoo

    Não acho tâo caro mais é barato para alguns.

  • Thales Carneiro

    Apple você paga caro, mas o aparelho custa a perder valor.
    Concorrentes, você paga caro e com dois meses o aparelho cai de preço.

    Ex.: Galaxy s3, Galaxy Note, etc.

  • Daniel

    Tudo no Brasil é mais caro por causa dos impostos!
    REFORMA TRIBUTÁRIA JÁ!

  • Daniel

    Tudo no Brasil é mais caro por causa dos impostos.
    Reforma tributária já!

  • Tonare

    O brasileiro é idiota…paga, vejam os carros…por isto é caro…se caro vende…