Notícias

Primeiros reviews do iPad mini são positivos

Alguns jornalistas americanos tiveram a oportunidade de testar em primeira mão o novo iPad mini (que será oficialmente lançado nos EUA nesta sexta, dia 2), e hoje foram autorizados a publicar suas primeiras impressões. Confira alguns trechos:

Walt Mossberg, do Wall Street Journal: “Testei o iPad mini por vários dias e achei que ele faz exatamente o que promete. Ele traz a experiência do iPad em um dispositivo menor. Todos os aplicativos que eu uso no meu iPad maior funcionaram perfeitamente no mini. Consegui usá-lo com uma mão e segurá-lo por longos períodos de tempo sem me cansar. Minha únicas reclamações são que que ele é um pouco grande demais para caber na maioria dos meus bolsos, e a resolução da tela é um grande passo para trás em relação à tela Retina do iPad maior.

David Pogue, do New York Times: “O golpe de mestre da Apple foi manter o mesmo formato da tela e resolução que o iPad 2 (1.024 x 768 pixels). Como resultado, o mini pode executar todos os 275 mil aplicativos do iPad existentes sem modificações, além de mais 500.000 aplicativos para iPhone. O texto e os gráficos são um pouco menores, mas é perfeitamente utilizável. Acima de tudo, o mini dá a você todas as vantagens do iPad em um tamanho mais prático, e isto é incrível. O mini é o que o iPad sempre quis ser.

Harry McCracken, da TIME: “Pensando em retrospectiva, não é nem um pouco surpreendente que a Apple optou por não competir diretamente os tablets de 7 polegadas custando US$199. Eles estão todos vestidos em caixas de plástico, e seu preço de fabricação ficam no ponto de equilíbrio [custo / preço de venda] — ou talvez até um pouco abaixo — na esperança de virar um lucro futuro com as vendas de livros, vídeos, aplicativos e outros conteúdos {NdE: a Amazon faz muito isso, tem prejuízo na venda para ganhar em conteúdo}. A Apple, por outro lado, tem uma aversão ao plástico; quase todos os gadgets que faz tem um casco de alumínio unibody. Esteticamente, os tablets de 7″ são bons SE considerarmos o seu preço. O mini é bom, ponto.

Joshua Topolsky, The Verge: “Momentos depois da apresentação do iPad mini no evento da Apple em San Jose, eu apressadamente escrevi que ele faria os outros tablets dessa categoria se sentirem como brinquedos. Talvez eu tenha exagerado um pouco levado pela emoção do momento, mas vou dizer que não há um único produto no mercado de tablets de 7 polegadas que se aproxime do visual, da sensação ou da qualidade de construção do novo iPad. Ele é absolutamente lindo de ver, e na mão tem a solidez reconfortante de um produto que foi construído para durar. Se o iPhone 5 é um produto de joalheria, o mini iPad é como um relógio solidamente feito.

John Gruber, Daring Fireball: “❛Uau, parece um Kindle. Mas… a tela é terrível.Essa foi a reação inicial da minha esposa quando eu lhe entreguei o iPad mini para ver o que ela, uma ávida utilizadora diária de um iPad 3, acharia. Sua reação inicial combina exatamente com a minha, e sintetiza perfeitamente a experiência. O iPad mini não é um dispositivo que necessite gastar muito tempo para entender. Minha reação imediata da semana passada permanece inalterada após uma semana de uso diário“.

MG Siegler, do TechCrunch. “Se houver uma fraqueza deste dispositivo, ela será a tela. Mas essa afirmação vem com um asterisco muito grande. Para alguém como eu que usa a tela Retina no celular, no tablet e no computador, o downgrade para uma tela não-Retina é bastante perceptível. Esta impressão desaparece ao longo do tempo conforme você usa o iPad mini continuamente. Mas ao voltar para uma tela Retina , há um choque.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Lailan

    Estou afim de comprar um iPad 4 Geração, mais tenho receio sobre a 5 geração. Medo de investir e perder em alguns meses.

    • Vinicius

      Comprei o iPad 1, logo que saiu nos EUA e até hoje ele me atende bem. Uso ele mais em casa para jogos casuais e usar a internet, então me atende bem até hoje. Acho que temos que abstrair essa necessidade de ter tudo do último modelo. Mas se for comprar um iPad hj sempre opte pela última versão, eu mesmo fiz um investimento alto num MacBook Pro Retina pra ficar com ele muitos anos.

      • iulo

        ‘Acho que temos que abstrair essa necessidade de ter tudo do último modelo’. Concordo plenamente com você.

        Tenho um iPhone 4 comprado há 2 anos e não penso em trocá-lo tão cedo, já que o que me atrai (o sistema operacional e a facilidade de uso) ainda existem no aparelho e ele me atende muito bem.

        A mesma coisa para o iPad, comprei o 3 assim que lançou no brasil e pretendo passar dois ou três anos com ele, mesmo com novos modelos saindo todo ano.

        • Richard

          Tenho os mesmos aparelhos e penso o mesmo que você, e não estou desesperado que meu ipad 3 ficou desvalorizado por ter sido descontinuado.

          • Frederich Diniz

            Sou mais um com o iphone 4 e ipad 3 satisfeito.
            Só trocaria o iphone 4 por um provável 6, no ano que vem. Já o ipad 3 não vou trocar nem tão cedo.

            • Alvaro Venino

              O mais bacana na Apple é a de você ter aparelhos de diferentes capacidades de processamento porém com o sistema operacional disponível atualizado para todos. Isso te impede de ter que trocar a cada lançamento. Eu tenho o iPhone 4 e o iPad 3 e não vejo a menos possibilidade de troca até o momento. Ambos me atender perfeitamente bem!

            • Rafa

              iPhone 6 não. Será provavelmente o iPhone 5S com chip A7X com 2 vezes mais velocidade que o iPhone 5 e o IOS 7… E blá blá blá O melhor iphone já feito!

        • Marcelo

          +1 aqui rsrs iphone 4 velhinho e ipad 3 comprado no lançamento…

          e esse negocio de compra com medo do proximo lançamento é melhor nem compra então… acho q tem q compra de acordo com suas necessidades… o produto te atende no que vc espera fazer com ele? então compra… qnd lança o proximo lançamento ele vai continua te atendendo do mesmo jeito…. nem melhor nem pior…
          agora se o produto não é exatamente o q vc quer.. pq vc queria um com uma camera melhor… ou vc acha lento.. ou pesado… ai é melhor espera mesmo rsrs

          • Thiago Guedes

            Mais um aqui com iPhone 4 e iPad 3. E estou completamente satisfeito. Acredito que essa “moda” de comprar a ultima versão tem que ser bem pensada, eu não tinha nada de ‘i’ até o começo do ano. E realmente estou feliz com o que tenho, a única coisa que me faz pensar em mudar no iPhone é A siri que não tem no i4, porem o Iphone 5 não foi algo tão novo assim. Então melhor esperar um 5s ou 6 rs

            • Daniel

              Sou mais um com iPhone 4 e iPad 3 sem intenção de trocar qualquer um deles tão cedo 🙂
              Compre o iPad 4, sem ligar para o 5. Vc não vai perder dinheiro, ele não vai ficar ruim pq lançou um mais novo ou coisa do tipo… Compre e aproveite, o iPad 4 será um excelente aparelho, tendo em vista que o 3 já é espetacular!!

            • Pablo Cordeiro

              Eu tenho o iPhone 3GS e ainda estou satisfeito com o produto, faz muita coisa que a maioria dos celulares por aí nem sonha em fazer. Como já foi dito penso em trocar pelo fato da Siri, mas enquanto não tiver em português fico com o meu 3GS mesmo. Essa história de querer o mais novo é relativa, se você pode (eu não posso kkkk) que mal tem? Mas se o seu faz o que você precisa não vejo a necessidade de trocar.

        • Wendell

          “mesmo com novos modelos saindo todo ano” Todo ano não, todo trimestre.

        • Leandro Fonseca

          Idem! Tenho um iPhone 4 e um iPad 2 e não pretendo comprar outros para substituí-los tão cedo. Não vi nada no iPhone 5, por exemplo, que me faça querer trocar o meu 4 por enquanto.

      • Renato

        Concordo com você, Vinícius. Comprei o iPad 1 poucas semanas após o lançamento e ele me serve muito bem até hoje. Assim como no seu caso, utilizo basicamente para acessar internet e responder e-mails. Se abstrairmos essa ansiedade de ter sempre o ‘mais novo’ e focarmos mais na relevância que as funcionalidades dos produtos mais novos terão para o nosso dia a dia a experiência com os produtos – da Apple ou qualquer outra empresa – acaba se tornando muito melhor.

        • Iron Junior

          Mas vai por mim, o iPad 1 não traz a verdadeira boa experiência do iPad. Possuo o primeiro e o “new old iPad” (terceiro). O primeiro possuo apenas como “álbum de fotografias”, já que a experiência dele para navegação é frustrante devido a falta de memória RAM (ocasionando fechamentos do Safari e sendo quase impossível abrir duas abas juntas, sempre tendo que carregar novamente a aba que estava em segundo plano). Tanto que as atualizações do próprio iOS foram abandonadas um tanto quanto rápido (se comparados aos demais dispositivos da Apple, é claro).
          Em compensação todos os demais (a partir do iPad 2) são excelentes, a mudança é bem drástica se vc testar qualquer outro iPad.

          • Iron Junior

            E acrescentando, a questão do peso e espessura também dão uma diferença enorme entre o 1 e os demais. Por mais que os números não sejam tão gritantemente diferentes assim, a experiência é bem diferente e os novos nunca cansam na mão.

          • carlos

            O meu Ipad 1 também ficou inutilizado com o 5.1.1, na minha opinião, estes paus de compatibilidade com gadgets velhos outra gota na demissão de Forstall

      • Rodz

        “Acho que temos que abstrair essa necessidade de ter tudo do último modelo.”

        Apoiadíssimo!! Não sei quando surgiu essa febre de que se DEVE ter somente o último modelo, que o anterior (ou anteriores) já não presta mais.

        Tudo bem que a gente fique querendo conhecer as novidades de modelos mais novos, mas não se pode deixar isso se transformar numa neurose, principalmente quando o modelo mais novo é bem parecido com o anterior.

        • Carlos Ryllder

          De onde será que vem essa febre de consumo desenfreado?Sistema capitalista.Simples assim.

      • iFumachi

        Logo teremos o mini retina…

        Tenho MBP e apenas atualizei o HD para um SSD e o HD antigo coloquei no lugar do drive CD/DVD… E aumentei de 4gb para 8 gb de ram

        • Francisco Vorcaro

          Em uma autorizada ou você mesmo? 🙂

          • Guamao Al F

            Eu mesmo fiz a troca do hdd para ssd e vou fazer a troca do dvd tb colocando-o em uma unidade usb externa 🙂

        • Gusmao Al F

          Somos dois 🙂 Eu só nao adaptei o segundo hd ainda mas estou querendo para testar aquele recurso de gerencianento do OSX com dois hds ssd e mecanico.

        • Gusmao Al F

          Opa. Você habilitou o Fusion nesse upgrade? Aqui eu coloquei o SSD, o HDD no lugar do DVD, o DVD em usb externo e habilitei o recurso Fusion Driver para o SSD/HDD, os dois juntos somam 1 TB e boa! 🙂

        • Gusmao Al F

          A, to com 8 gb tb mas já vi que suporta 16 gb :), próximo up.

      • @delbarco1

        Achei salutar a opinião do amigo. Não podemos ficar reféns da tecnologia. Não temos que comprar um aparelho de última geração necessariamente. Acredito que temos que ser fiel conosco e nos perguntar: qual a utilidade dessa compra para mim? Estou pensando em comprar um macbook pro e já me decidi, vou comprar o 15″ tela “normal. Tela de retina? Agora não, obrigado!

        • Gusmao Al F

          Concordo com você. Eu estou pensando em que um ipad me será útil. Recentemente comprei um AppleTV e já deu pau de wifi hehe Quanto ao Macbook Pro você vai ficar muito satisfeito com a compra, eu fiquei quando troquei o meu antigo Dell por um 🙂 Os retinas são muito recentes, caros e estão dando bug de melhora da qualidade de imagem, eu li em uma materia que eles travam video na hora de processar coisas antigas fora do padrao Retina. Fora que você tem a chatice de não poder dar upgrade em quase nada nele, memória ram por exemplo.

    • Tony Galiazzi

      Lailan,
      Creio que vc tem que pensar se os recursos do iPad 4 te atendem, pois todos os produtos tecnológicos sempre vão ficar obsoletos com uma frequência cada vez maior. A Apple nos deixou mal acostumados durante um tempo, creio que agora ela está se adequando ao mercardo.

    • Guilherme

      Medo de comprar porque vai ficar obsoleto? Desde que o mundo é mundo é assim, só que está ficando mais curto o tempo…
      E não é investir, é gastar mesmo… E depois vai perder o quê? Status?

    • Thiago Sousa

      Juro que é a última vez que falo isso nesse blog… mas vcs compram gadgets para usar e facilitar suas vidas em várias aspectos ou como um investimento para revender futuramente? Praticamente todo mundo concorda que o iPad é o melhor tablet do mercado, quem tem não pensa em trocar, então, sinceramente, não entendo esse medo e essa frustração de um novo produto ser lançado no mercado e o seu se tornar ultrapassado.

    • Lailan

      A questão é que, geralmente tentamos acompanhar a evolução tecnológica quando a mesma vem de ano em ano. Porém, quando a evolução tecnológica passa a ser a cada 6 meses, acaba complicando.

    • Marcelo

      Eu acho que vc deveria ficar esperando a décima geração, ouvi rumores que será matadora, mas talvez seja melhor esperar a décima primeira, pois essa sim matará a décima.

    • Vinicius

      Acho melhor vc comprar um IPAD MINI E NÃO O COMUM

    • Renato Faria

      No frigir dos ovos o que fica de mais relevante de diferente nas versões do iPad é a tela retina… o resto daria muito bem prá continuar com as especificações do iPad 1… minha humilde opinião…

    • Copeta

      [2]
      Vou comprar porque tenho certeza que a Apple não vai lançar o 5 em março.

    • Pedro

      Pense no aparelho que você vai comprar e não em ser o mais moderno sempre. Eu comprei o New iPad da terceira geração e sinceramente não me chateou o lançamento desse. Meu produto continua fantástico, a tela continua de retina, tudo continua igual.

      O que não é normal é a neura por TER o mais moderno. Cara, só os funcionários da Apple têm sempre o mais moderno, desencuca disso senão você vai acabar louco.

    • Sândalo Jhony Gomes

      Vc não vai perder. Ele vai continuar funcionando! 😉

    • Bernardo Sampaio

      Tenho um 4s e um ipad 3 e to feliz com eles. Pretendo passar + uns 2 anos no minimo com o iPad e pelo menos +1 com o iPhone. 🙂

  • Adrian Galassi

    Resposta da Apple na próxima apresentação: “Quatro em cada cinco pessoas adoraram o Mini iPad!” 😛

    • João Pedro Vianini de Paula

      Quatro em cada cinco especialistas recomendam o iPad Mini para portabilidade.

      • Gusmao Al F

        Pq? Eles não tem retina Display, eu ja me acostumei com o retina do iPhone4, pegar um iPpad mini sem retina vai ser caos para os meus olhos. Eles usam A5 ao invez de A6. Ano que vem lançam o iPad Mini com Retina e chip A6x 🙂

  • valder

    realmente o que “matou” ele para mim foi essa tela. pq n retina?

    • 4L3SS4NDR0

      Para ter o que mudar no ano que vem …

      • Mario Ueno

        Valder,

        Entendo que o fator principal de não terem usado a tecnologia da tela retina no iPad mini é a concorrência direta com o iPad 4 recém lançado. Isso adiantaria a “morte” do irmão maior! Estratégia comercial!!! 🙂

        Mario.

    • Ian

      Espero que o proximo lançamento da Apple em relação ao iPad seja o mini com tela de retina. Ai ia vender que nem água….

    • iulo

      acho que é a velha obsolescência programada. ano que vem sai um ipad mini com tela retina.

      • Renato Faria

        Ano que vem? Do jeito que as coisas andam por lá é capaz de lançarem para o Natal! rsrsrs

    • Augusto

      Como David Pogue disse, foi para o iPad mini chegar já com uma gama grande de aplicativos. Afinal, “ninguém esperava” que a Apple fosse lançar um iPad mini. Isso muda as configurações dos aplicativos, resoluções, etc.
      É só ver o iPhone 5: tela maior = necessidade de adaptar todos os aplicativos.

      • Roberto

        E porque não a tela retina do Ipad (3) transformada numa tela mais pequena!? Ai poderiam usar todas as aplicações que funcionam no Ipad 2 e todas as HD’s concebidas para Ipad 3ª e 4ª geração.

        Mas eu tenho a resposta. Porque para o ano será isso que vão apresentar no iPad mini de 2ª geração. Ao preço que o iPad mini está poderia com certeza conseguir já um ecrã retina. Para mim é uma grande desilusão entrar com um produto novo com uma ecrã ultrapassado, já só se olha ao mercado e não a postura inovadora que a Apple nos habituou. Quem está habituado a um ecrã retina fica com aversão a ter que voltar atrás.

        That’s my opinion! 😉

        • Gui Del Frate

          Amigo, enfiar toda a resolução da tela Retina do iPad maior numa resolução de 7,9 polegadas não é tão simples quanto parece. A densidade de píxels seria muuuito maior que a do new iPad. É uma resolução obscena, desnecessária para o iPad Mini. E como deixaria a tela ainda “mais retina”, fazendo a concorrência com o iPadão desleal.

          Criar uma resolução intermediária também gera um problema: compatibilidade. Todos os desenvolvedores teriam MAIS uma resolução para trabalhar e gerar imagens: iPhone (não-retina), iPhone (retina), iPhone 5, iPad (não-retina), iPad (retina) e iPad Mini. Deixaria os aplicativos ainda mais pesados, e eleva o tempo de desenvolvimento. É um passo que deve ser dado com muito cuidado.

          • Vitor Sá

            Essa é a resposta mais plausível, a meu ver. A Apple não pode, ou melhor, não deve lançar um device com uma outra resolução agora, isso significaria “perder” os milhares de aplicativos da App Store e criar mais uma chateação para os programadores.

            Tirando a opção de criar outra resolução, temos só a de usar a resolução Retina do iPad 3 e 4 ou a “normal” do iPad 1 e 2. E gente, como a tela dele é MENOR do que a dos outros, a meu ver faz muito mais sentido usar a opção de menor resolução. Além de ser muito mais viável, já que esta tela consome menos bateria e menos processamento, tudo faz sentido, para mim ao menos.

            Não sei como é a densidade de pixels dos concorrentes, mas estou satisfeito com a escolha da Apple…

    • Ian

      Se fosse para comprar um iPad hoje, certeza que seria o iPad mini !

    • Fernando

      Simples, é para que o próximo seja o “new ipad mini”…

    • Daniel

      A tela Retina é mais cara, ocupa mais espaço, consome mais bateria, e precisa de mais processamento.

      Se ele fosse retina, não daria conta de rodar com o hardware do iPad 2; precisaria do A5X do iPad 3, e o peso e a espessura também sofreriam com uma bateria maior. Preço provavelmente seria o menor dos problemas…

      • Marcus Alcazas

        Será???

  • Jeferson

    Sem duvida o mini ipad é superior aos existentes no mercado, so achei estranho a tela não ser retina ja q praticamente todos os aparelhos da Apple tem retina. Minha pergunta é, sera que a Apple não colocou retira no mini ipad para deixar ele mais barato ou para ter o q atualizar para o proximo?

    • Vinicius

      Certamente para não canibalizar o mercado do iPad Big com retina.

  • Flavio

    Eu trocaria meu iPad 2 pelo mini, SE ele tivesse a mesma resolução do iPad atual com tela retina, e até um processador um pouco melhor (no minimo o mesmo do iPad 3). Trocar o 2 pelo mini não tem NENHUMA vantagem alem do tamanho, e essa unica vantagem pode esperar um mini 2 melhorado.

  • Francisco Vorcaro

    IPad mini ideal para pessoas de mãos grandes… =p

  • Pedro Alves

    ❛Uau, parece um Kindle. Mas… a tela é terrível”, adorei =P

  • Marcelo

    Estou muito feliz com o meu iPad 3 e não penso em trocar tão cedo… só espero que ele não tenha nenhum problema, Já que tiraram de linha e mantiveram um menor!!! Vai entender estes caras!

  • Ricardo

    Provavelmente no próximo evento eles lançam o Ipad mini com tela Retina e um novo processador duas vezes mais rápido. E quem comprou o atual fica com a sensação que não pode viver sem, mesmo com poucas diferenças!!! Os caras são realmente mágicos.

  • TiãoGavião

    “Faz exatamente o que promete” foi um elogio??
    Acho fantástico a Apple fazer um iPadMini o que não acho bom é o retrocesso em fazer uma tela sem retina, hardware inferior e por aí vai..pelo visto esta se tornando bem comum, lembremos o tamanho do iPad2 para iPad3.

  • Giordano Adjuto

    Na minha opinião, os tablets de 7″ vem conquistando mercado devido à opção de mobilidade que permitem, já que os aparelhos de 10″ são muito grandes, pesados e de difícil manuseio fora de casa/escritório. Aqueles que não se contentam mais com as pequenas telas dos smartphones, passam a ter um device “complementar”, fácil de segurar com uma das mãos.

    E é justamente esse o ponto fraco do iPad mini. Ele possui dimensão mais quadrada, não se encaixando tão bem em apenas uma das mãos, coisa que o Nexus 7 faz com excelência (além de caber no bolso interno do paletó ou lateral da calça/bermuda cargo) . Fora isso, quem se acostuma com a tela retina passa a achar inadmissível uma resolução tão pobre como a do mini (166 ppp é muito pouco…).

    Sem falar no processador defasado e no visual datado do (ótimo, mas capado) iOS, a pá de cal sobre o Mini vem da enorme diferença de preço em relação à concorrência. Principalmente após o recente reposicionamento de preço feito feito pelo Google na linha Nexus. Fala sério, por U$199 eu iria de Nexus 7 sem pensar duas vez!!!

    Aliás, foi o que fiz. Mesmo pagando o preço antigo (U$50 mais caro) em um modelo de 16 gb estou completamente satisfeito com o tablet e com o android jellybean. Companheiro perfeito para o iPhone 4 rodando iOS 5 com jailbreak, sendo que nem penso em trocar pelo 5 ou atualizar o sistema operacional por hora.

    • Carlos Ryllder

      Pá de cal?Esse já “matou” o ipad mini.Futurologia antecipada.

  • Douglas

    quando vai chegar no Brasil o mini ipad!?????/? 🙂

    • Willian Sousa

      Duvido que chegue ainda neste ano, mas seria ótimo se chegasse!

    • Rodrigo

      Provavelmente em 2013 (aquela velha novela de o aparelho ter que passar pelo processo de homologação da Anatel, que, em média leva de 30 a 45 dias).

  • Willian Sousa

    Quem sabe ano que vem eu não me presenteie com um iPad Mini ou um iPod Touch 5. Quanto ao iPhone, deixo para os que podem … Eu não posso nem com os menores, porém um suor extra ajudará 😉

  • Mauricio

    Nao fiquei nada espantado com o fato de a tela nao ser retina. Eu não tenho duvida nenhuma que pra implementar esta tecnologia sai mais caro do que a tela sem retina, e o iPad Mini não é o unico tablet com 7 polegadas, não é o primeiro do mercado, então se eles fazem um tablet que custa 250 dollares a mais que seus concorrentes direto, pega mal. Ele ja ta relativamente mais caro que todos os outros de 7 polegadas, normal da apple, no meu ver o produto é melhor, logo o preço também é um pouco mais alto, porém extremamente mais alto só ia complicar nesse momento onde eles mais querem é instalar uma boa base.

  • Matheus D. S.

    Qual a diferença de tela rentina e não tela rentina? Eu ate hoje não sei/vejo a diferença..

    • carlos

      Você não vê diferença entre a tela retina e não retina? Impossível! Segure um ipad2 e um ipad3 (new ipad) nas mãos e certamente você verá a diferença, abra o ibooks nos dois e depois retorne para contar como foi. Tenho o ipad3 e sinto uma enorme diferença visual quando uso o ipad 2 da minha esposa.

  • Hugo C.

    Essa praticidade e leveza que o iPad mini aparenta ter tem me deixado na vontade de trocar meu iPad 3.
    Tudo bem que o iPad mini é mais lento, e a tela não é Retina. Mas é impossível utilizar o iPad 3 com uma mão, como um reader, pelo peso e tamanho, e isso faz toda diferença. Às vezes me pego com preguiça, quase deitado numa poltrona, e queria poder ler no iPad, segurando com uma mão, como se fosse um livro, mas a mão não aguenta.

    • Thiago

      Nao, o iPad mini tem a mesma velocidade do iPad 3, ja que ele “A5” e o iPad 3 é “A5X”, o “X” é apenas o impulso para suportar a tela Retina, mantendo o desempenho A5. Assim como o A6X o “x” é apenas para ter a mesma eficiência do A6 numa tela maior que o dobro…

  • Felipe Teodoro

    cool

  • Vaimberg

    Mauricio, o fato da tela não ser retina não tem nada a ver com o preço. Se tem uma coisa que esses caras da apple são, seria ‘inteligentes’.
    Um moooooonte de gente vai comprar o Ipad Mini… Ano que vem, será o lançamento do ‘Ipad Mini com tela retina’, e o mesmo mooooonte de gente vai comprar tudo de novo.

    • Mauricio

      Vaimberg,
      Você ta brincando né? É lógico que uma tela com maior qualidade exige mais recursos, existe uma boa diferença entre as duas telas, tanto que a mulher do jornalista zuou o iPad mini dizendo que a tela era terrivel, justamente por nao ser tão boa quanto as retina, que exigem uma tecnologia maior e consequentemente elevam o preço final do produto. Se não fosse mais caro fariam até iPod nano com tela de retina.

      • Interpretação de textos

        Então quer dizer que ela zuou a tela do mini neh…! Ta interpretando textos de uma forma bem bacana, hein cara!! Haha

  • Christiano

    Com certeza o proximo passo é o mini com tela retina. Eles devem estar trabalhando agora para baratear a tecnologia e ai sim mantes o preço. O fato dele não ter saido com retina deve ter peso no preço e também na resolução dos aplicativos, o que deve estar sendo aprimorado para o próximo mini.

    • Mario Ueno

      Christiano,

      Acredito que o fator principal de não terem usado a tecnologia da tela retina no iPad mini é a concorrência direta com o iPad 4 recém lançado. Isso adiantaria a “morte” do irmão maior! 😉

      Mario.

      • Christiano

        Também pode ser um dos fatores. Tudo isso somado levou eles a lançarem ele sem a tela retina.

  • SamuEX

    Quero um iPad Mini resolucionário!
    Pequenininho, levinho e rapidinho… pára, nem pensar!!!

  • saulo

    sou so eu ou mais alguem ñ ta gostando tb dos novos lançamentos da apple? tipo iphone 5 sem nada de novo a ñ ser o tamanho da tela, ipad mini a msm coisa, isso me da a impresao de que a apple ta se tornando uma empresa comum como todas as outras, se vc olhar pra tras e ve o mercado de smartphones antes do iphone, notara que tava todo mundo meio perdido, ai vem a apple e lança algo realmente enovador, entao as outras empresas passaram a seguir um padrao, porem com esses novos laçamentos da apple me parece que ela deixou de ditar um padrao e e passou a seguir.

    • Ricardo

      É meu caro….a apple ditava as tendências…..hoje corre pra seguir as dos outros, triste isso 🙁

    • Luciano Cardoso

      Saulo, quando se faz uma revolução, há um grande salto, grandes mudanças. Mas após um pico as coisas se normalizam. Não adianta vc achar que ao lançar o iPhone 5, será um produto que vai fazer o 4s parecer com os telefones que eram utilizados qndo o primeiro iPhone foi lançado. Então quem acha que isso vai acontecer qnd lançarem o iPhone 6 está se iludindo. A Apple só vai surpreender de novo, se entrar em outro ramo de produtos, como tv, automóveis, etc…

      • saulo

        concordo sim, é novo ate chega num determinado pico, so que quando me referi a algo novo no iphone 5 ñ falo a nivel revolucionario, falo de algo simples porem novo, que geralmente era o diferencial de cada modelo de iphone, no caso do 4s foi o siri, ja no 5 houve apenas especificaçoes tecnicas, uma tela de 4″ e e melhor processador, memoria e bla bla bla…

  • Luciano Cardoso

    Já estou vendo as notícias de abril/13: “Revolucionário! Novo iPad Mini, agora com a incrível tela retina e o dobro de velocidade”.

    • Ricardo

      Perfeito! Rsrsrs

      Ps: se eu continuar usando ipads ( to curioso sobre o surface) , nunca mais sigo toda geraçao. A partir de agora só pulando uma ou duas….

      • Luciano Cardoso

        A única vez que segui geração foi do iPhone 2g (começaram a chamar ele assim qndo lançaram o 3g), para o 3g, não senti necessidade de trocar o 3g pelo 3gs. E também acho que era jogar dinheiro fora trocar o iPhone 4 pelo 4s. Agora se você pula do iPhone 3g pro 4 e depois pro 5, vc tem grandes avanços de uma geração para outra, vide iPad para iPad 3 (eu só comprei o iPad quando lançou o 3). .

        • Rakods

          É o que eu costumo fazer. To com o 3GS, e vou trocar pro 5 simplesmente pelo hardware e um pouco de frescura. IPad eu comprei o 2 quando já sabia quais seriam as novidades do 3. Não faço questão de tela retina, então só pretendo trocar o iPad daqui uns 3 ou 4 anos também.

          Agora virou moda dizer que sem o Steve a Apple não inova, mas pra mim todos os lançamentos intermediarios foram toscos. O que é o 3GS senão um 3 com hardware melhor. O siri, principal novidade do 4S só não funciona no 4 porque a função foi castrada pelo software.

          O mercado de PCs se atualiza em questão de meses e ninguém fica de chorando porque suas placas de vídeo estão ultrapassadas quando elas ainda rodam todos os jogos no máximo. Ficam falando que o iPad 3 foi morto, mas o hardware dele ainda roda o sistema com perfeição, o que resume toda esss choradeira a um buraco diferente embaixo do bicho.

          Quanto ao iPad mini, eu sinceramente não via mercado para ele, mas eu uso o iPad para fins acadêmicos. Pelo visto auem tem um uso mais casual realmente prefere a portabilidade ao conforto.

  • Overlord

    Pô, Walt Mossberg… até eu sei que a tela Retina só vai aparecer no iPad mini de segunda geração! rsrsrs

  • Raphael

    Tenho um iPad 2 e um Iphone 4 e estou feliz.

  • Na minha opinião a tela do mini não pôde ser retina porque é muito mais fácil, barato reduzir uma tela de 9,7″ para 7,9″ com a resolução atual do que com a resolução do iPad 3.. Para onde saltaria a densidade de pixels?
    Imaginem o custo de reduzir tanto os pixels.

    • Saulex

      A tela retina fica para o ano que vem ou final do ano ou começo do ano que vem ou meio do ano que vem, no modelo “mini iPad with retina display”. Chamada obsolescência programada!!

  • Allan

    iLex, você acha que a apple vive de sua imagem?

  • Michel Monteiro

    O Novo iPad (iPad 4) não foi uma atualização completa, tanto que é o único aparelho que não segue o padrão estético dos demais (a unibody case só tem na cor alumínio além da curvatura do fundo diferente). Tive a impressão de que a Apple precisava atualizar o plug (uma vez que o iPad seria o único aparelho com o plug no padrão antigo) mas como o último lançamento era recente, aproveitaram o projeto do iPad 3 atualizando itens de fácil substituição e que provavelmente já estavam prontos para o próximo upgrade (processador e câmera). Certamente ano que vem a Apple lançará o “iPad 5” com o novo unibody mantendo o padrão da linha. O que resta saber é se ela faria isso em Março e Abril (seguindo a antiga data de release dos iPads), ou se o ipad 4 acabou alterando a data de lançamento dos iPads para o Q4.

    • Thiago

      Acredito no iPad 5 (esse devera ser o nome, acompanhando o iphone) na WWDC e no iPad mini 2 em setembro. O grande erro da apple foi ter feito muita coisa nos últimos meses

  • HEBERT JORGE

    Na minha opinião o ipad Mini veio sem tela retina pra ter o que inovar no próximo Mini ano que vem. Malandragem… Apple nao é mais a mesma…. definitivamente….

    • Fábio

      Concordo plenamente.

    • sheldon

      Concordo. Não queimaram um cartucho agora, pra utilizarem na frente. Além do que saindo com Retina, ele chamaria mais atenção do que o NEW NEW Ipad e roubaria algumas vendas de Ipad.

      Então quem quer retina, compra o ipad 4, quem não quer tem 2 opções, Ipad 2 e Mini.

    • Mauricio

      Eu não acompanho a apple desde sempre, mas o que voces chamam de malandragem eu chamo de esperteza. Eles tem toda aquela historinha de querer fazer produtos pra melhorar e revolucionar a vida das pessoas e blablabla, mas como toda empresa, o que mantém eles rodando é dinheiro, e quanto mais se tem mais se quer. Há quem diga que eles(e outras empresas) tem capaciadde de desenvovler aparelhos várias vezes melhores dos que os que existem hoje, mas vão melhorando aos poucos pra poder ganhar dinheiro emcima disso. Não vou dizer que é certo mas nem que é errado, eles desenvolveram, colocam no mercado com a frequencia que quiser, se tem gente que compra um pra 8 meses depois estar comprando outro, muito bom pras empresas, agora o povo que ta reclamando basta ser esperto e só trocar o device depois de pelomenos uns 2 anos de uso.

    • João Pedro Vianini de Paula

      Claro que é isso. Mas tambem uma tela retina poderia encarecer mais o produto, fazendo a Apple perder um pedaço da margem de lucro. Lembre-se que teria que ser 2048×1536, chegando a 326ppi, a mesma tela do iPad de 3ª/4ª geração em um produto menor. Além disso, a tela retina é mais grossa porque precisa de uma barra dupla de LED, o que deixaria o Mini mais grosso, mesmo com a tecnologia incell da Sharp.

      • Overlord

        Que eu lembre, a tela Retina do iPad 4 tem 264 ppi e não os 326 ppi presentes no iPhone 4/4S/5.

        Dá uma lida no texto para entender:
        The original Retina Display on the iPhone 4 has 326 pixels per inch (ppi). But to qualify as an Apple Retina Display the new iPad does not require the same ppi as the iPhone 4 Retina Display because it is typically held further away from the eye, whose visual sharpness is based on angular resolution rather than the linear ppi resolution on the display. The iPad is typically held 15-18 inches away as opposed to the iPhone 4’s 12-15 inches. As a result, to meet the 300 ppi Retina Display specification made by Steve Jobs at WWDC for the iPhone 4, an iPad Retina Display only needs 240 ppi – and it has 264 ppi. So according to Apple’s own definition, the new iPad is indeed a true “Retina Display.”

    • M.C.

      Herbert, acho q é isso ai tb, só q nesse caso o seu comentario tem q ser mudado para ‘a apple CONTINUA a mesma” pois a anos ela ja faz isso, seja com iphone, ipad, macbook pro, air, sempre lança eles quaase perfeitos, e na prox. atualizacao vem uma ‘novidade’ q ja poderia ter vindo no aparelho anterior, além é claro de outras novidades ‘reais’..
      No caso, durante alguns anos a apple reinou absoluta anos luz de distancia das outras marcas, entao realmente nao precisava queimar todas as novidades de uma só vez, pois no ano seguinte, qdo as outras marcas chegavam perto do produto apple, ela vinha com a ‘grande novidade’. O exemplo mais classico é o iphone q foi sendo atualizado aos poucos, camera, 3g, tela, itens q ja poderiam vir no começo explodindo mas não precisava, pois nao existia nada no mercado nem perto disso. Outro exemplo foi o macbook air, que na ultima atualizacao recebeu a luz por trás do teclado, excelente para teclar em abiente escuro, recurso esse que ja existe nos macbooks apple a 500 anos, e ja poderia vir desde o inicio no Air. Eu mesmo tenho um air sem esse recurso e fiquei bem decepcionado ao ver eles anunciando a ‘grande novidade’ 1 ano depois q eu comprei o meu.

      Na minha opiniao, com a chegada mais forte das outras marcas no universo dos tablets e celulares, a apple deverá rever essa prática, e soltar as novidades com mais força em cada lançamento, pois ela não pode viver somente dos fãs incondicionais (meu caso).
      abraços,

  • Alex Sandro Fagundes

    Sou um grande fã da Apple e tenho usado o iPhone/iPad/iPod durante alguns anos. Recentemente troquei meu iPhone por um Motorola com Android e estou muito satisfeito com a qualidade e desempenho da plataforma, mas em contra ponto acredito que no mercado dos tablets a Apple ainda é top linha quando se trata em diversidade de aplicativos e qualidade de softwate/hardware. Trocaria meu iPad 1th por um iPad mini sem pensar duas vezes. A Apple como sempre fez um ótimo trabalho com o iPad mini (pelo que pude conferir nos reviews) e em relação a resolução da tela, é apenas um pequeno ponto negativo em tantos outros pontos positivos.

  • Mauricio

    apertei para enviar sem quere (RSRSRRS)

    iLex parabens pelo blog, acompanho todos os dias, (porem de forma passiva)
    abraços

  • Tiago Fernandes

    Troco meu iPad 2 pelo mini só quando ele tiver tela de retina.

  • Beto

    Me deem, mandem deixar na minha casa, com a consciencia crédula que eu. Gostei. hihihi

  • Sonia

    Trocarei meu iPad 2 pelo 4, mas estou querendo comprar o mini para a minha filha, mas li num site dizendo que o iPad mini não virá com adaptador de força e nem fone ouvido, será verdade mesmo?

    • Thiago

      O fone nunca participou da caixa do iPad ja o adaptador vira sim.

  • Lukas

    E tenho iPad 2 e nao vou trocar pelo 4 eu acredito que para trocar mesmo vc tendo dinheiro sobrando tem que pensar muito antes quais as direnças e se essas diferenças vai fazer da sua vida no que contange a vida virtual ficar mais fácil ou se vc realmente precisa usar todas essas vantagens é semelhante a quele cara que tem uma maquina de tirar foto de 8 mega e viu que saiu uma de 12 mais o cara nem tira foto e nem proficional é entao porque compraria uma maquina de 12 sendo que a de 8 para tirar fotos quando ele sai de ferias esta ótimo seria jogar dinheiro fora , o mesmo com o iphone e iPad a tela de retina é fantástica mais uma pessoa que usa o iPad para ver emails ou navega na net pra ver notícias do seu time favorito , ou entrar no seu face sera que seria de tanta importância isso lógico isso para quem tem um iPad 2 agora quem nao tem nada comprar o 4

  • No começo do artigo fiquei com vontade de comprar esse mini, mas ai todos falaram da tela… :/ tenho um iPhone 4, será um choque entao se eu estiver usando o iPhone e olhar pra ele? Quando ele chegar ao Brasil e eu puder vê-lo em uma loja tiro minhas duvidas. 🙂

    • Paulo

      O iPhone 4 ja tem tela de retina???

  • Moreno Assis

    Tenho o iPhone 4 e o Ipad 1, na verdade o ipad me satisfaz porque somente uso em ksa, mas pretendo comprar o mini para poder trabalhar e estudar…..

  • Luiz Fabio

    E não é que o mundo dá voltas?

    Até outro dia, celular com 4” ou pouco mais que isso eram considerados “trambolhos impossíveis de usar com uma mão só”, e que por essa razão a tela de 3,5” do iPhone era perfeita, Apple teria levado bastante tempo de estudo pra chegar a “tamanho perfeito”. Depois as 3,5” viraram 4” sem mexer na largura, com isso mantendo a “perfeição pra ser usada com uma mão apenas”.

    É no mínimo curioso ler em reviews sobre uma tela de 7,9” frases como “Consegui usá-lo com uma mão e segurá-lo por longos períodos de tempo sem me cansar.”

    Minha crítica não é ao post do BDI, que nada tem a ver com isso, e sim a esses reviews tão contraditórios e/ou apelativos que ao lê-los se chega a pelo menos uma das duas conclusões:

    a) O cara é pago pra dizer certos tipos de elogios
    b) O cara é um fanático(do tipo religioso) pela marca

    PS.: Não estou entrando no mérito se o produto é bom ou ruim e sim os argumentos e elogios feitos nos reviews.

  • Seu Jorge

    Alguém responda, por favor: como pode, o Kindle HD ter muito mais atributos e custar metade do preço que o IPAD mini? Não vão dizer que é a polegada de diferença no tamanho e a câmera traseira. Se considerar só a escala de produção da Apple, o produto deveria ser mais barato que a Amazon.

    Para mim, a resposta é: applemaníacos. Se um dia compravam tecnologia ou inovação, hoje compram a marca … mas até quando? Será que tecnologia se sustenta como uma grife de roupa?

    • gidel

      A Amazon está tendo prejuízos nos aparelhos para ganhar no conteúdo.

    • Thiago

      Margem de lucro, materiais compostos, processador, câmera, etc etc O iPad mini é lindo o Kindle pare aquelas tábuas de brinquedo.

    • Thiago

      Margem de lucro, materiais compostos, processador, câmera, etc etc O iPad mini é lindo o Kindle pare aquelas tábuas de brinquedo.

  • Brunu

    iLex, estou voltando para o Brasil sabado, lhe interessa um mini para review? Lança sexta as 8:00 da manha, tem uma plaquinha na porta da retail da 5 avenida. Abcs

  • Francis

    Tenho pelo ipadmini a mesma curiosidade que tive no lançamento do 3, ou seja, nenhuma. O iPad 2 que tenho me atende plenamente. No mais, é esperar bom tempo prá adquirir um MacBook Pro sem tela retina.

  • Wendell Leon

    Achei o iPad mini realmente INCRIVEL, ovisual é sem duvidas impecavel (como em todos os produtos Apple), alem de nos permitir usufluir dos mais de 275 mil aplicativos pro iPad na AppStore.
    Estou muito afim de comprar um desses pra minha irmã de 12 anos, porém o medo de que ela possa deixa-lo cair vai acabar fazendo com que eu mesmo me presenteie com um destes !

  • Marcelo

    Essas pessoas que ficam afobadas com o lançamento de um novo aparelho na minha opinião são idiota, pois até algumas semanas eu tinha um iPhone 3G e eu gostava dele , para mim ele era melhor que muitos aparelhos por aí e quando lançou o iPhone 5 eu não fiquei afobado para ter um , só por causa que meu aparelho era antigo

  • Fidel pedro

    Sempre quis um “iDevice”, desde o anuncio da primeira versão em 2007. Hoje Tenho um iPhone 4 e um iPad 2, ambos comprados usados (afinal nao é barato) de forma oportunista e com economia de quase R$ 1.000,00 na aquisição de ambos. Sou cabeleireiro, uso no salão tirando fotos dos clientes e editando pra mostrar o efeito de um corte ou de uma tintura, verifico emails, facebook, twitter e msn organizo meus orçamentos e despesas diarias semanais e mensais troco arquivos via Bluetooth entre eles uso o iPad pra acessar remotamente meu notebook, tranferir videos e musicas se necessidade de usar o itunes, tirar e editar fotos, assistir videos de simplesmente TODOS os formatos existentes na web abrir e editar todos os tipos de arquivos do office, Jogos em 2D em altissima definição e a bateria de ambos aparelhos corresponde perfeitamente ate hj a todas definicoes de fabrica de um aparelho novo. E acada dia descubro novas utilidades e novos aplicativos. Desejo trocar o iPad por um MINI pelo simples fato de melhorar a “portabilidade” ou maneabilidade do produto afinal o MINI tem as mesmas especificacoes do iPad 2. Fora isso meus iDvices nao demonstram o menor sinal de ficarem obsoletos. Bastando atualizar seus IOS.