Opinião

[opinião] Para Adobe, investir na plataforma Android não vale a pena

Ok, talvez este título pareça um pouco exagerado, mas foi exatamente esta a sensação que eu tive quando li a explicação do chefe da equipe Flash da Adobe para o encerramento do suporte à tecnologia em dispositivos móveis.


Para a Adobe, foi a Apple quem matou o Flash em dispositivos móveis

Mike Chambers faz parte da equipe de desenvolvimento Flash desde antes da Macromedia ser comprada pela Adobe. Ele explica em seu blog as razões que levaram a companhia desistir das plataformas móveis e se dedicar inteiramente aos computadores de mesa.

Há algumas teorias sobre as razões que a Apple nunca adotou o Flash em seu sistema iOS. A que eu prefiro acreditar é aquela que diz que ela não tem um bom rendimento em dispositivos móveis, deixando lento o sistema (os concorrentes que insistem em usá-lo sofrem isso na pele). Isso não é uma invenção do Campo de Distorção da Realidade de Jobs®: a própria Adobe assume isso e esta foi uma das razões da desistência do desenvolvimento em celulares e tablets.

Segundo Chambers, o Flash Mobile morreu por culpa da própria Adobe e também da Apple.

Culpa da Adobe por não ter conseguido adaptar a tecnologia para que rodasse bem em dispositivos móveis. Foi um erro achar que ela poderia se dar bem em plataformas que usam o toque, quando ela nunca foi feita para isso. Além disso, celulares e tablets possuem um uso claramente diferente de um computador normal, geralmente usando conexões mais lentas, além de telas menores e de dimensões variadas, o que faz com que a interface precise ser otimizada. Querer que um projeto em Flash feito para um computador rode da mesma maneira em um tablet ou celular não tem sentido.

Mas ele põe também a culpa na Apple, por nunca ter ajudado a tecnologia a se desenvolver. O fato dos dispositivos iOS não terem sido compatíveis com plugins Flash não permitiu que ela ganhasse mercado suficiente para ser melhorada. Ou seja, não valeria a pena investir no desenvolvimento se não fosse para o sistema do iPhone e o iPad.

Dada a fragmentação do mercado de telefonia móvel e o fato de que uma das principais plataformas móveis (o iOS da Apple) não permitir seu uso no navegador, o Flash Player não estava no caminho certo para chegar a qualquer lugar perto da onipresença que tem em desktops.

A fragmentação do Android (que já traz bastante dores de cabeça para os desenvolvedores) parece ter desestimulado a empresa a investir na tecnologia, logo ela que declarou ter grandes esperanças na plataforma quando rompeu com a Apple. Um sistema que muitos dizem que está crescendo e que seria o futuro dos dispositivos móveis, mas que as empresas hoje estão abandonando por não valer tanto a pena quanto o iOS.

Este é um assunto a se refletir. Quando uma grande empresa (a Adobe é a maior em seu segmento) desiste de uma tecnologia mesmo tendo opções de sistemas, pode significar que as alternativas não valham realmente a pena a ponto de gastar tempo e dinheiro nelas.

E para os tablets que atualmente fazem comerciais mostrando o Flash como diferencial, é melhor procurarem rapidamente outro argumento para tentarem bater contra o iPad, que logo fará 2 anos de existência e ainda não encontrou concorrente à altura. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • David rozwod

    Concordo plenamente..

    • Jones

      O Flash trava até meu CoreDuoQuad Q6600 imagina um smartphone…

      • Chato

        Você têm um Intel® Core™2 Quad Processor Q6600. Não existe Core Duo Quad. São duas linhas diferentes. Core Duo foi uma linha anterior ao Core 2 Duo.

  • Junior Madden

    o flash já era!

  • Carlos Arcas Neto

    Jobs sempre pensou bem a frente. Saudades.

  • Uai, e os defensores não diziam que a fragmentação do Android não era o problema?
    Cabou a vantagem tão alardeada em qualquer review sobre o iPhone/iPad.

  • SandraMarize

    iLex, perfeitas suas colocações.. Só quem conhece e usa o sistema IOS para saber a real diferença.. É claro que cada um a seu modo tem sua qualidades e seus “defeitos”… Troquei para o IOS faz apenas um ano, e sinceramente não me arrependi nem por um segundo da decisão..

    • Filipe Araújo

      “Só quem conhece e usa o sistema IOS para saber a real diferença”. Perfeita essa frase Sandra, e isso é um FATO. Muitos podem vir criticar o iOS por isso e aquilo, e elevar o tão grandioso Android…mas isso acontece simplesmente porque a maioria dessas pessoas tem um Android, e a pior coisa pra qualquer um é ter milhares de pessoas falando que seu SO é ruim. Por isso eu digo, fragmentação É ruim, flash mobile É ruim, liberdade É ruim(Um usuário comum não faz nada de útil com a liberdade no Android além de transformar o sistema em um frankstein e/ou pegar vírus).

      • Thy

        “pior coisa pra qualquer um é ter milhares de pessoas falando que seu SO é ruim.”

        Se fosse assim ninguém iria ter PC com Windows e ele ainda é o SO mais presente em computadores pessoais…

        • Raphael

          Jason nao e bem verdade. A maioria de usuarios de windows nao estao tao satisfeitos com seus travamentos e bugs (a não ser usuarios leves) ou sua interface (muitos modificam a aparência Com progamas duvidosos para Ele ficar diferente, Em Geral parecido Com um mac) Madeira essas pessoas não conseguem comprar um Macau ou senão são leigos e preguiçoso que não querem ou não se interessante Em aprender a usar macosx ou linux. Enfoque nó Ubuntu.

  • Flash mobile esta muito doente

    • Somente os medicos do SUS acreditam que ele pode viver e ainda competir na SAo Silvestre.

      • clístenisCanuto

        boa! rss

        • Lucas Barbosa

          haha medicos do SUS, leia-se 95% dos médicos brasileiros…

  • Andre Henrique

    xiii e agora qual vai ser a argumento dos verdinhos ??? rsrsrsrs

  • iEaf

    And now, greenie robots?!

  • flash = lixo

  • Onde está seu Android que era superior só porque tinha flash agora ?

  • Luan Carlos

    Boa materia..Nunca tive um celular rodando flash, mas pelos videos demostrativos entre flash e HTML5 o HTML5 ganha. Comprei meu iPad 2 semana passada e não sinto falta do flash logo que a maioria dos sites que visito ja são todos os HTML5. A Apple esta certa se ñ esta bom ou se esta travando não coloca, simples.

  • Sonia

    Flash no iPhone? pra mim só na câmera 😉

  • Thiago

    Discordo no ponto em que você fala que “ainda não encontrou concorrente à altura”, Acho muita pretensão falar que o ipad é unanime e que todos os outros são meras imitações, sendo que enquanto a Apple não implementar widgets no IOS qualquer sistema android será muito superior ao IOS devido a possibilidade de customização, e isso é um fato, não há o que se discutir. Tenho um iPhone 4 mas sinto falta das coisas que meus amigos conseguem fazer com os widgets no galaxy.

    • Thiago: me prove que hoje existe um tablet tão popular e de tanto sucesso quanto o iPad e eu lhe darei um de presente.
      Caso contrário, admita: não há ainda concorrente à altura do iPad. #FATO

      E se você não possui nenhum tablet, acho que não deveria emitir opiniões tão fortes sem conhecimento de causa.

      • Junior Santos

        Concordo com iLex. Só quem já teve com um Galaxy da vida na mão pra sentir a falta de um monte de coisas.

        Sabe aquele cachorro do seu vizinho que late muito e você chega até tem medo dele? Mas depois que conhece vê que nao é nada daquilo que imaginava….

        Foi assim que eu vi o Android. O Google late muito em cima do sistema operacional copiado (e reconhecidamente) do iOS.

        O Android vai ter que melhorar muito e vai demorar muito para melhorar, para que o usuário tenha uma experiência de uso que pra mim hoje é única no iOS.

      • Francis

        Puxa, o iLex tendo que matar um leão por dia, não é nada fácil.!!!

        • Eric

          Tenho um iPad 1 desde quando lançou, tive iPhone 3gs, iPhone 4 e hj n tenho mais iPhone pq uso Nextel. Mas uma coisa é certa, ja esta na hora o iOS passar por uma mudança de verdade. A interface ja esta beeem defasada, se for ver é identica ao do dos primeiros iOS. Só mudou fundo de tela e perfumaria. E outra, eu vejo q ja é hora de mudar de verdade pq a cada atualização ao meu ver o IOS parece cada vez mais remendado. Multitarefa tosco, essas notificações ficou horrivel, preferia meu antigo SBSettings(no iPhone ficou melhor, no iPad nao gostei das notificações). E sem contar que o iOS ja esta perdendo aquela estabilidade enorme que tinha… Pra mim digo e reafirmo, as duas versões de iOS que mais me agradaram foram a 3.1.3(iPhone) e a 4.2.1….. Abraço a todos…

        • Eric

          Ahhhh, e por falar nisso, depois que postei meu comentario, meu Safari fechou do nada… Kkkkkkkkk ACREDITA…

      • Thiago

        Ser popular e possuir sucesso não quer dizer que seja bom. O windows é o sistema operacional mais popular no mundo todo, isso significa que é o melhor sistema operacional de todos?. Crepusculo é um dos filmes de maior bilheteria e maior sucesso que já se viu, significa que é bom? (acho que não hein). Então você justificar que uma coisa é boa só porque ela é popular não faz sentido, e que fique bem claro, não acho o iPad ruim, só que enquanto a Apple não implementar os widgets no IOS, qualquer tablet android será melhor que o iPad. Minha opinião.

        • Thiago, se widgets para você é sinônimo de coisa melhor, então a única coisa que eu posso lhe dizer é… compre um Android e seja feliz. Mas é inútil vir em um blog que fala de iPad e querer argumentar sem nunca ter tocado em um. Há quem goste de funk carioca, há quem goste de Beto Barbosa. Você gosta de widgets, aí não tenho como argumentar com você.

      • Jorge Alves

        JURO que queria ter um argumento bom pra ganhar um iPad do iLex, mas eu concordo totalmente com ele! iPad é o melhor até hoje!

    • Ednilson Rosa

      Thiago, aparentemente essa sua opinião de que qualquer sistema do robozinho verde é superior só porque tem widgets e maior possibilidade de customizacão não é compartilhada por muita gente. Caso contrário, com tantos tablets concorrentes, se eles são mesmo superiores, porque será que o iPad continua com mais de 70% do mercado, mesmo sendo um produto inferior (na sua opinião) e custando bem mais caro? Ah, já sei, (1) a maioria de usuários de tablets é masoquista e gosta de sofrer ou (2) eles são burros e não percebem a besteira que estão fazendo! Não, acho que não. Acho aue você é que precisa rever seus conceitos! Ps.: tenho um iPad e não troco por dois Galaxy Tab…

      • Eric

        Só uma pergunta… Então oq é melhor? Windows ou Mac OS? Na sua opnião?? Pois o sistema da Microsoft domina o mercado. Então ele deve ser o melhor… 😀 . Tenho um iPad, e não sei se trocaria por um Galaxy Tab. Os dois são muito bons…

  • Junior Santos

    Otimo artigo… Parabéns…. Além de concordar com tudo que vc disse, ainda refaço a pergunta… Onde estão os defensores de software livre (ala Android, Linuxeiros, etc) pra se explicarem do pq meteram o pau no iPhone por nao ter Flash?

    Até mesmo vários sites “especializados” em tecnologia, fizeram sua apologia para o Android em prol do Flash que é terrívelmente ruim quando comparado com o Mobile Safari do iOS….

    Acho que a imprensa especializada tem de rever seus conceitos, pra nao dar mancada como deram com o iPad 2 e o iPhone 4S…

    • Deathtkid

      Eu trocaria, vendia os dois, compraria outro iPad e ainda me sobraria grana. E, cá entre nós, usuários do iOS, backup não é problema.

  • Iago

    Impecável, é como dizer “Viu, eu te avisei!” kkkk UHU WIN

  • Nina

    Adorei a imagem do Flash com a maçã mordida. hehe.

  • Rafael

    estou tentando atualizar meu iOS para o 5.0.1 do iPad e não estou conseguindo, gostaria de saber se isso tem algo haver com a atualização que fiz através daqui, do blogdoiphone, para criar os gestos multitarefas antes de sair o iOS 5.0.1 ? peço desculpas por estar fazendo esta pergunta neste post mas n estou conseguindo mesmo atualizar meu iPad 1. Obrigado

    • Ednilson Rosa

      Rafael, use o Fórum para este tipo de dúvidas. É possível que a resposta que vc queira já até esteja por lá, pois outras pessoas têm tido este mesmo problema…

  • Como Jobs era perfeccionista ele nunca utilizaria flash pois nao existe padrao para o desenvolvimento do mesmo… Cada um faz como qr… Html5 tem padroes

  • RAVAGNANI

    Tenho outra opinião. Achou que ela abandonou por nem ela acreditar no flash, se a Apple fosse o único problema ela desenvolveria o flash para rodar no iOS sem gastar memória, bateria e processamento. Jogando a toalha ela só assumiu que não há como melhorar o flash, vale mais a pena investir no html5 que vai rodar tanto em android como iOS e de quebra nos desktops e notebooks

  • Deivide

    Se até em PCs o flash consegue deixar tudo uma carroça, imagine um celular. Existem alguns sites que a gente entra e o PC vira uma carroça, mas a gente acaba não se dando conta de que é o flash de algum vídeo ou banner que está aleijando tudo.

    Há muito tempo que eu deixei de usar flash nos sites que faço, mesmo o cliente pedindo. Prefiro deixar de pegar o trampo.

    • Thiago

      Uma aplicação em flash bem desenvolvida não é uma carroça, o ActionScript é uma poderosa ferramenta e pode otimizar muito o projeto.

      • Jp

        Finalmente um defensor do flash kkkkkk…só tenho a dizer que sua querida plataforma está fadada ao fracasso agora…

        • Thiago

          Fui Flash Developer por um bom tempo, tenho que defender kkkk concordo que HTML5 é o futuro, mas acho que essa tecnologia ainda tem um bom tempo de vida, vide Joguinhos de Orkut/Facebook e outros sites.

  • Luiz

    Não concordo. Tenho um iPad que comprei logo após seu lançamento de estréia e sou um fã dos aparelhos Apple, porém para poder deixar o note em casa e ter experiência integral no uso da internet, ainda prefiro o Xoom com seu android e o deficiente flash.

    Sem duvida o html5 é o futuro. Mas como ainda estamos no presente, ele se torna muitas vezes indispensável.

  • Mau

    Achei uma atitude quase infantil o representante da Adobe citar a Apple como um dos motivos pelo insucesso do Flash Móvel, como se a empresa A tivesse que ter compaixão pela empresa B para fazer o seu produto funcionar, oras, sabemos que não é assim que o mundo funciona.

    A Adobe teve a mesma cabeça dura que acusavam tanto o Jobs de ter. Dúvido que em qualquer momento a Adobe pensou em rescrever o Flash do zero, para criar uma versão móvel mais amigável. Provavelmente eles simplesmente tentaram adaptara versão desktop, criando um código sujo e cheio de bugs. O Google que teoricamente seria o maior interessando, já que ter o Flash rodando em seus sistemas seria um diferencial interessante, nunca moveu uma palha para tentar tornar o Flash mais compatível com o seu OS. E ainda assim nosso querido Chambers não cita uma vez a empresa em sua declaração e preferiu jogar parte da culpa na Apple.

    Fui programador de Flash durante muito tempo, desde a versão 4.0 quando ainda era apenas o Macromedia Flash e sempre a cada mudança de versão eu via o Flash cada fez mais complicado e cheio de elementos novos que só o tornavam uma plataforma menos amigável e confiável.

    A pouco mais de 4 anos parei totalmente de usar Flash para criar websites e quando encontro alguém querendo usar ele para algo, tento usar todos os argumentos que tenho para convencer a pessoa a usar HTML 5.

    Espero que toda a energia direcionada para o desenvolvimento do Flash móvel seja agora direcionada para a criação de uma ferramenta HTML 5. Porque quem assim, não só os Applemaniacos vai sair ganhando, como todos os usuários de plataformas móveis.

    • Cleberson Pertile

      Exatamente, Mau.
      A Adobe (e o Google, com o Android) nunca tiveram peito nem competência pra fazer o Flash funcionar direito no Android (ou em qualquer coisa Mobile).

      Foram simplesmente bobos, como crianças. Ficaram insistindo numa coisa que todo mundo tava percebendo que deixava tudo lento e ruim de usar, e fingiam que era uma vantagem. Mesma coisa daquela pessoa que compra um carro horrível, de acabamento porco, e quando falam a realidade pra ele (seu carro é uma porcaria), que podia ter coisa muito melhor, ele diz que não liga, que só usa pra trabalhar, que pagou mais barato e então tá com vantagem.

      Se a Adobe tivesse vontade de fazer o Flash funcionar bem, ela fazia, se esforçava, mostrava pro mundo todo o novo plugin Flash, que rodaria sem deixar nada lento (nem mesmo o mais fraco dos Androids), e aí sim teria um bom argumento contra a Apple “malvada e close-minded”…

      Mas olha só no que deu…

      Agora só resta nos perguntarmos: será que foi falta de vontade, falta de competência, ou simplesmente aceitaram a derrota porque sabiam que uma hora todo mundo ia se tocar?

  • Paulo

    Eu acho que o Android deve focar nichos e não tentar competir ‘pensando’ que é igual. Angumas empresas já perceberam isso, como a Amazon, B&N e ZTE.
    Eu mesmo estou muito satisfeito com um tablet ZTE V9C, que não é um iOS, mas oferece o que preciso. Só troco por um Kindle Fire ou similar.

  • Geison

    O html5 supre perfeitamente os recursos do flash, acessem a página do financial times pelo ipad… Espetacular!!

  • TiãoGavião

    A tá!!!
    Agora a culpa do fracasso deles é da Apple, sei…
    Flash já era uma droga, espero não usar mais é no meu Mac, isso sim!! 🙂

    • Lucas Barbosa

      hahaha… meu mac tem alergia a flash. espirra e tudo.

  • Luís Cesar

    Quando ele culpa a Apple por não conseguir expandir o flash, mostra claramente que o market share do Android é bem relativo. São pouquíssimos os que tem um hardware decente pra aguentar a fragmentação. A maioria esmagadora de gadgets com Android são autênticos patos, fazem um monte de coisas mas nenhuma satisfatoriamente. Se o xoom trava com flash, imagina esses “smartphones” com clocks de 600, 800 MHZ.

    • Jp

      Hey, meu iphone 3GS tem um clock de 600 mhz e é um smartphone…. rs

  • Fernando

    “…se dedicar inteiramente aos computadores de mesa”. E os notebooks? Devem continuar com o consumo excessivo de baterias proveniente do bendito flash?
    Voto +1 para esse famigerado flash morrer de vez.
    Nunca me fez falta no iPad e iPhone.

  • George

    EU AMO O FLASH PLAYER. Especialmente o CS4 (que consome um processamento incrível). Especialmente nas épocas de frio. É instalar o flash player no meu macbook, colocá-lo debaixo das cobertas e ter uma noite muito agradável de sono. O ambiente fica bem quentinho. Muito bom.

    Ainda vou manter o .DMG do flash player em algum lugar para estes necessidades. Um cobertor elétrico ou uma lareira embarcado em um software. >:)

    • Rafael Costa

      Flash Player CS4?!?!? Tá saber do legal, em?

      • George

        Instale o pacote e veja o player que vem com ele.. Não é aquele que se baixa na web. Preste atenção. É O QUE VEM NO PACOTE, JUNTO COM O FLASH PRO.

        Aí quem sabe você aprende.

  • Fernando Marques

    Isso é falta de gestão e coragem, se um técnico da flash diz para o dono da empresa ” olha a culpa é da apple” se tivesse alguem forte para dizer ” Se vira então, arrume para eles usarem” ai as coisas teria mudado.

    Parece mesmo é que o flash sempre achou que era perfeito e que quem precisava mudar era os outros!
    um pequeno engano que acabou com uma empresa gigante

    • João Antonio

      “um pequeno engano que acabou com uma empresa gigante”

      Calma, amigo. A empresa não faliu. Ela apenas deixará de desenvolver seus produtos para dispositivos móveis.

      • Fernando Marques

        ehehe esqueci desse detalhe!

      • Os produtos continuam, é só o suporte a Flash no navegador que será deixado de lado. A Adobe não é boba e está entrando com tudo no mercado móvel, fazendo com que suas ferramentas de produção de conteúdo sejam compatíveis com HTML5 e SDK da Apple.

  • leonardoneen

    O tablet mais foda com toda certeza é o ipad.O os outros são só outros…

  • FabinhuLondon

    acho que a mordida na maca da apple foi o flash quem deu…………

  • JanjaBoy

    Próximo!

    • TiãoGavião

      Janja vc tá bonitinho nessa foto da formatura de 1910, rssss

      • Francis

        Vou só ficar esperando a resposta do Janja, ou não.!! rsrsrs

      • Dorinhavasc

        Ah tu errasse, não foi de “formatura” não.
        rsrsrsr

  • HB

    Acho que nos ajustes do iOS deveria ter a opção para ativar o flash, assim as pessoas poderiam perceber que problemas de lentidão, travamento e consumo excessivo de bateria não seria do iPhone e sim do flash e a polemica não duraria tanto tempo, nem teríamos que aguentar os chatos falando que iPhone é bom mas….

    • Rodrigo B.

      Isto é a cara da Apple :).

  • Rafael Costa

    Já foi tarde! Odeio o Flash… Tenho um iPad e um Galaxy, e acho a navegação do Galaxy PÉSSIMA, principalmente no player Flash do YouTube! Espero que com esse anúncio o Google retire essa m**** do Android…

  • Salib

    Eram mais que conhecidos os atritos entre a Apple e a Adobe levando a que ambos seguissem caminhos diferentes.Se o Jobs era um visionario ou nao isso eu nao sei,o que sei e que ele tinha a capacidade de modificar o mercado se o bem entende-se e assim foi.Tido isto quanto sao medidas meramente comerciais mas muito por culpa tambem da adobe que nao se aplicou devidamente.Se as coisas tivessem sido bem feitas todos os usuarios poderiam ter beneficiado de todas as tecnologias.

  • Eu só uso o Flash no Galaxy SII quando realmente não tenho outra alternativa. O negócio é lento, bugado e drena a bateria muito rápido.

    Só serve pra aqueles sites antigões que ainda não mudaram pro HTML5 ou pra ver vídeos não disponíveis para mobile no Youtube.

    • Cleberson Pertile

      Olha só, geralmente usuário de Android (ainda mais Galaxy SII, o santo graal dos robôs) é tudo esquentadinho.

      Mas o Sr. Caio Lemos é o usuário de Android que eu gosto de ver dando opinião.

      Usuários de iOS e Android não deviam “brigar” entre si por causa do Flash, e sim se unirem para acabar com essa tralha.
      Porque se um cara que tem o Android mais potente diz que o Flash é lento, bugado e suga a bateria, é suficiente pros apple-haters pararem de falar que usuário de iOS mete o pau no flash por “fanboyismo”…

      Desde o dia em que acessei o site do YouTube no meu velho Nokia N85, eu percebi que algo estava errado. Era 2 segundos de vídeo e 1 segundo de imagem congelada (e o som continuava rodando).

      • Sou Apple maníaco, mas sempre quis ter um Galaxy S II 😛

        Comprei ele e o 4S na minha última viagem a NY.

  • Denis Brandao

    Apenas como exercício de reflexao, lembro que é a mesma Adobe que se recusou à desenvolver para a plataforma Mac por não ver futuro na empresa ou na visão de Jobs.

  • Rodrigo

    Flash Ja vai tarde.

  • Ednilson Rosa

    Faltou ele citar um outro motivo: a Microsoft, com seu Windows Phone, também não está suportando o a tecnologia Flash. Assim, um possível terceiro grande player no mundo da mobilidade também se juntou à Apple e ficar dependendo apenas do fragmentado Android não parecia ser muito boa idéia. Mas acho que o motivo maior mesmo foi a evolução. O tempo do Flash passou. Com o HTML 5, ele passou a ser dispensável. Se ao menos tivesse bom desempenho pra enfrentar a nova opção, ele teria grandes chances de permanecer líder. Mais uma vez Steve Jobs percebeu antes algo era inevitável…

    • Rafael Ornelas

      Concordo com sua afirmação a ainda adiciono outro motivo já citado Mike Chambers neste post: “…o Flash Player não estava no caminho certo para chegar a qualquer lugar perto da onipresença que tem em desktops.” Ora! Como ser onipresente, se parte de seus clientes não desejam utilizar o seu produto?

      Acredito que Jobs seguiu a filosofia da Apple ao excluir o Flash de suas plataformas móveis: escolheu o que achava melhor para seus usuários. É justamente este modelo que faz com que produtos da Apple sejam tão confiáveis e funcionais; afinal de contas, quanto menos gente der pitaco, mais fluido é o processo e menores são as variáveis!

      Ao contrário do que o Mau disse em seu comentário, o mercado não é tão individualista quanto se parece. Uma empresa não detém todas as soluções e, por isso, necessita das demais para desenvolver seus produtos. Prova disto são as cobranças judiciais por royalties, que surgem de várias partes. Enfim, estão todos conectados e temos agradecer por isto. Do contrário seria a hegemonia de uma só marca.

      Considero Apple x Android como Padronização x Customização. Cada uma tem seus prós e contras; seria como os que seguem a lei contra os subversivos. O equilíbrio está entre os dois (Jailbreak??). Tem gente que prefere a estabilidade. Já outros gostam da sensação de ter seu dispositivo renovado a cada novo widget ou configuração adicionada; é uma questão de gosto!

      O fato é que são plataformas diferentes com propostas de uso diferentes. Não gosto de comparar o iPad com outros tablets – assim como o iPhone e iPod – pois acredito que se destina a uma categoria separada; nem melhor, nem pior, apenas diferente (tem como comparar um iPod com um MP3 player qualquer? Até o modo como as músicas são adicionadas é diferente!).

      Só para constar, tenho um iPhone 4 e um iPad, e já fui usuário Android. Reconheço vantagens nas duas plataformas e acredito que as duas tem seus respectivos lugares no mercado. O iPhone realmente é um excelente dispositivo e gosto dele como celular. Já o iPad é mais um “em terra de cego quem tem um olho é rei”: não oferece uma experiência espetacular, mas como ainda não inventaram nada melhor… (como palmtop, antes de inventarem o smartphone).

      Vou ficando por aqui, senão vou escrever um livro!

      Obrigado pelo espaço.

  • Sniper

    Na minha opinião, a Adobe nitidamente subestimou o mercado mobile. O que é até compreensível quando lembramos da época pré-iPhone, onde os ditos “smartphones” da época ofereciam uma navegação web que fazia qualquer um desistir de acessar um site.

    Mas o fato é que o iPhone abriu caminho para uma experiência Web em dispositivos móveis como nenhum outro dispositivo, impulsionando inclusive o consumo de dados. Mas quando a Adobe percebeu que estava dando uma de Microsoft (vide Internet), deixou exposta a grande verdade sobre seus produtos: embora sejam ótimas ferramentas de criação, tecnicamente são mal desenvolvidos, consumem exageradamente os recursos do computador, possuem muitos bugs e são responsáveis por várias falhas sérias de segurança. Por tanto, inapropriados em um dispositivo como um smartphone que possui recursos bem limitados quando comparados a um desktop ou notebook.

    Outro ponto importante que Steve Jobs menciona em sua carta aberta de abril de 2010 é que seria de extrema burrice ter uma camada intermediária entre as funcionalidades (E DIFERENCIAIS) de seus sistema e o usuário, seja ele Flash ou qualquer outra coisa. Ou seja, seria deixar a plataforma refém de outra empresa.

    Pelo visto o bom senso venceu e a proposta de padrões abertos como HTML5, Javascript e vídeos H.264 ficou fortalecida.

    E para todos os “haters” que criticavam a Apple por não suportar Flash: onde está seu Deus agora? 🙂

  • Flash, is over.

  • Salib

    Obviamente que o insucesso do flash nao é por culpa da apple mas não se pode negar que tambem ajudou,devido ao mediatismo que a apple tem hoje em dia no mundo inteiro.

  • Daniel Alencar

    Uma noticia triste!
    É o iPad ainda nao encontrou nenhum concorrente msm, à altura!

  • Alan Cardeque

    Deve vir coisa melhor por aí. Adobe não é qualquer empresa, e não faz qualquer coisa. Aguardaremos, então.

  • Felipe

    Uma pena Steve Jobs não poder ver isto!!