Notícias

Fabricante de anti-vírus acha que o iOS deveria ser mais aberto, para ter mais vírus

É cada coisa ridícula que a gente lê por aí.

Esta semana, um alto executivo da empresa de segurança Kaspersky (que produz, vejam só vocês, programas anti-vírus) declarou que a Apple deveria manter o iOS (sistema que roda no iPhone, iPod touch e iPad) mais aberto, pois fechado como ele é, ele não tem muito futuro.

Segundo o executivo, a Apple não pode continuar com todo esse bloqueio de só permitir a instalação de aplicativos existentes na App Store, com o controle antes de ser aprovado. Afinal, o Android está ganhando terreno no mercado por ser aberto.

Só tem um pequeno detalhe: hoje, não existe vírus nenhum para iOS, o que não é realidade no mundo Android, um sistema altamente vulnerável à códigos maliciosos. É óbvio que as empresas que vivem de criar anti-vírus não gostam nada disso e gostariam que o sistema do iPhone fosse mais vulnerável. Afinal, como eles vão conseguir vender seus produtos para quem é usuário da Apple?

A cultura de anti-vírus, tão difundida no mundo Windows, é forte em muitos usuários, que geralmente nos perguntam como proteger seus iGadgets de vírus. Até o momento, não é preciso se preocupar: o iPhone, o iPad e o iPod touch não possuem nenhum vírus que possam atingí-los.

via

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados