Notícias

Apple muda suas polêmicas regras de assinatura de revistas na App Store

No início do ano, a Apple anunciou que iria mudar as regras de publicação de revistas na App Store, não permitindo que assinaturas externas fossem feitas sem existir uma opção também interna (de dentro do aplicativo), pelo mesmo preço. Os editores reclamaram muito (pois com isso, 30% do valor vai para a Apple) e muitos disseram inclusive que iriam abandonar o iPad.

Depois da polêmica, a Apple resolveu voltar atrás e alterou esta semana alguns pontos da regra. Agora, os editores poderão disponibilizar assinaturas digitais vendidos por fora da App Store, pelo preço que quiserem (antes o preço deveria ser exatamente o mesmo de uma compra in-app). Porém, no aplicativo não pode ter nenhum botão ou link que leve o leitor a esta compra.

via

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Mais justo, eu acho. Injusto é o pessoal usar isso pra sobretaxar quem compra do iPad!

  • luis

    o melhor seria que as revistas não cobrassem pelo conteúdo….

    • Seria bom se você trabalhasse de graça também, não seria? Eu acho que seria.

    • Guilherme

      Eu já acho que se estou pagando pela assinatura , o ideal seria não ser obrigado a ler anúncios.

      • Juliano do Prado

        Revistas normais ( de papel) tambem tem propagandas.

        • Thy

          E nem por isso a assinatura é mais barata…justo? acho que não!

      • Marcus

        Confesso que não tenho ideia de qual o percentual do faturamento vem de propaganda e qual que vem das vendas. Mas seria ótimo se as revistas compradas, viessem sem publicidade.

        Aproveitando a oportunidade, a algum tempo aqui no BDI foi postado uma materia sober a Brasil247, um jornal (diagramado em forma de revista) para iPad totalmente gratuito. Na época eu nem tinha um iPad ainda, mas mesmo assim baixei o app, agora que comprei um iPad e pude testar o app, achei fantastico.
        Duas edições diárias, uma de manha e outra a noite, totalmente gratuito (apenas na base de publicidade), recomendo a todos.

      • Carlos Mendes

        São os anúncios q fazem sua assinatura ser menos cara 🙂

    • Levando em conta que ela ganha mesmo com as propagandas, seria uma boa… As assinaturas que fazemos ou compras nas bancas não devem chegar nem perto das propagandas.

  • Canastrão

    Mas tem que deixar fazer alguma propaganda para o usuário saber que existe uma forma de assinar fora do iPad. É meio injusto isso.

    • Pessoal, seguinte: sou do meio jornal e o que tenho a dizer é que se jornais ou revistas fossem viver de assinaturas ou venda avulsa apenas, não dava. Não dá para cobrir o custo de papel, tinta e logística. Fora os outros custos como energia, mão de obra… Pensem nisso. Outra, tem pessoas que compram jornal só por causa dos classificados.

  • Algus Helm

    Injusto é cobrarem o mesmo preço da edição impressa, mesmo com todos sabendo que é mais em conta a distribuição digital.

    • TiãoGavião

      Concordo e assino em baixo. Enquanto cobrarem a mesma coisa, eu não faço nenhuma assinatura, compro nas bancas as que quero e deu. Fazendo assim logo, logo eles vão perceber o que estão perdendo de assinaturas fixas!!!

      • Thy

        Perfeito!!! Acho que eles pensam que somos idiotas…ou que acreditamos que papel, tinta e frete são de graça!!!

    • Vinny JD

      a verdade foi dita aqui hoje

    • Vinny JD

      olha oq eu acho é que deveria custar $0,99 cada revista ao invés de assinatura, ai vc compra a que vc quiser quando quiser, mas de qualquer forma ja me contento em poder ler a EGM de graça \o/ (melhor revista EVER)

  • Esse ponto é complicado, a Apple liberou pois o FT achou uma brecha e criou um webapp livre de amarras.
    Ou seja, só existia duas opções, corta o html5 ou libera todos, e foi o que aconteceu.

    Uma pena que as editoras tupiniquins ainda queiram explorar quem deseja consumir mídia online.

    (E a cada dia que passa vejo que “preciso” mais e mais de um iPad, droga.)

  • Kerllon Ricardo

    Com todas as atenções voltadas para o iOS 5, ninguém comentou a atualização do Angry Birds Rio – Carnaval!
    Os Macaquinhos estão de volta…

    • Alex iPilot

      Saiu outra?? O Blog já anunciou uma atualização aqui, com o cenário das praias. Tem outra?

      • Kerllon Ricardo

        Saiu sim. Agora o tema é carnaval…

  • Luciana

    Quando a Apple iniciou a fabricação do iPhone, ela criou um conceito.

    E a partir daí ela ditou o ritmo do jogo como e quando ela quis.

    Hoje vejo a Apple sendo conduzida, porque ou ela cede ou o povo se muda para onde a opinião deles tem alguma valia.

    Steve Jobs ficou “bonzinho”? Não, claro que não.

    Mas ele sabe que deve fazer concessões, ou corre sério risco de sucumbir, não pela falta de talento, mas pela falta de diálogo.

  • Mr. Ruffles

    O problema é pagar U$ 4,99 por uma edição da VEJA para iPad. Os caras não gastam papel e nem despesa com envio e querem cobrar o mesmo da versão impressa! Será que não tem alguém mais inteligente na Abril para imaginar que uma versão digital da revista traria mais assinantes, mesmo que alguns deles migrassem da versão impressa para a digital? Isso tudo é medo de que se eles tiverem a versão digital mais barata todos os assinantes largariam a versão impressa. Como se todo mundo tivesse ou conseguisse comprar um iPad.

    Eu não assino a VEJA, mas por um preço mais justo eu assinaria a versão digital, com certeza.

    • Kinho

      Cara, tu já viu como êh a revista veja no iPad neh?
      Já percebeu as animações que tem em algumas matérias neh?
      A revista ficou bem mais dinamina no iPad certo?!
      Eles nao imprimem ela correto, nao gastam com papel nem tinta, mas tu acha que as animações, formatação, a dinâmica da revista para o iPad êh feita soZinha? O cara que produz as matérias, animações etc etc trabalha de graça pra veja será?
      Porra meu, tudo envolve trabalho, desenvolvimento, criatividade e tu quer tudo isso por qnt?? 1,99?? A faça o meu favor cara.

      • Mr. Ruffles

        Com toda educação Sr. Kinho,

        não pedi pra a VEJA ser distribuída gratuitamente no iPad. Apenas afirmei que cobrar o mesmo preço da edição impressa não é um valor “justo”. Não tô dizendo para eles cobrarem U$ 1,99, não estou estipulando valores. Idependente da mão de obra necessária para fazer a versão digital da revista, com certeza ela é muito mais barata de se produzir do que a versão impressa. Pois o material principal, que são as matérias, é o mesmo da versão impressa, já está pronto. Se nos EUA podem ter revistas eletrônicas a preços mais razoáveis e eles continuam ganhando dinheiro com isso, por quê no Brasil seria diferente?

        Eles não abaixam o preço da edição digital por medo que haja uma grande migração das assinaturas impressas para a digital. Se isso realmente acontecesse a receita deles cairia com certeza. Mas muita gente prefere a versão de papel mesmo e não trocaria. Mas eles se esquecem dos novos assinantes que poderia conseguir, assinante que teriam apenas a versão digital. E mantendo praticamente o mesmo valor das 2 versões, a maioria que tem a versão impressa não a abandona, apenas acrescenta ao valor da sua assinatura a versão digital

        Sei que tem pessoas que trabalham para que ela chegue àquela formatação dinâmica, profissionais qualificados. E claro que merecem ser remunerados. Mas se o valor da edição digital fosse menor, em médio prazo, com certeza a base de assinantes da revista aumentaria consideravelmente, gerando um lucro maior com novos assinantes e suficiente para pagar o salário desses profissionais responsáveis pela versão eletrônica da revista.

        Espero ter sido claro agora.

      • Thiago

        Então esse(s) cara(s) q faz(em) a diagramação e animação para a versão digital recebe um salário do msm tamanho que são os gastos de impressão e entrega?? O cara acima nao estava pedindo a revista de graça, e nem ninguém, mas é fato que a distribuição digital é mais em conta! Ou então até que alguém me prove por A + B que nao!

      • Hansi

        Amigo,

        olhe o exemplo da revista WIRED no iPad. Assinatura por 12 meses (12 edições) custa US$19.99. Cada edição sai por US$1.67

        A Veja sai US$4.99 por edição, faça as contas. Tem algo errado aí.

      • Sergio Luiz

        A 1,99 seria bem justo , mas vc quer que pagamos o mesmo preço da Revista ? Faça o favor vc cara …..Vc trabalha na Veja ou é puxa saco desse Sistema Corrupto que nos cobra horrores de juros em tudo ??

    • Vinny JD

      nossa por que essa briga toda por causa da Veja, é muito ruim essa revista, fica ai a verdade

  • Bruno Melo

    CARACAAAA! me amarrei na criatividade com que a foto acima foi tirada. Muito bom!

  • Thiago

    Assinaria a Você S.A. fácil em formato digital.

  • André Procópio

    Fazendo uma aspas no assunto, o fórum está fora do ar mesmo? Quando se clica para entrar no fórum, você é direcionado para uma janela com a mensagem: “Welcome to nginx!”

    E passando para lhe dar os parabéns pelo site!! Com certeza é o melhor Blog sobre iOS!

  • Carlos

    Acho que nao pode ter botao ou link, mas podem dizer “passem no nosso site para comprar a revista mais em conta”.

    A Veja realmente é um caso a parte. Ela custa em euros 4,99, ou seja, da quase uns 13 reais, sendo que tem revista gringa que é muito mais legal que custa 2,50. A Época é outro caso interessante, cada vez que eu entro no App ela está com um preço diferente: já vi desde 2,39 até 4,99 euros.

  • Bona

    Poderia sim ser gratuito. A Veja por exemplo, das 80 paginas da revista 50 é publicidade!

    • aLex

      Gratuito não! Um preço mais acessível e justo, SIM! A propósito, a versão para iPad da “Folha” está em período de ” degustação ” e é ÓTIMA! Aproveitem…

    • Alex iPilot

      Apenas complementando o que você disse, as outras 30 páginas da Veja são matérias PAGAS, hehehe…

  • Lucas

    Ei iLex! Que foto é essa? Como você fez isso? Parece que é só o vidro do iPad que está ai. Fale sobre isso ai por favor =P

  • Carlos

    Quanto ao argumento da gratuidade, basta ver por exemplo esses jornais gratuitos como o Metro. Eles provavelmente compram todas as materias de agencias de noticias e a publicidade paga os custos operacionais deles. Mas voce pode pegar e comparar com um jornal pago, as materias sao ruins demais. Nao tem nada de diferente do que voce pode encontrar num portal aberto, nao tem nenhuma materia onde foram pesquisar o assunto a fundo e como o conteudo foi comprado de terceiros as noticias sao as mesmas em todos os jornais gratuitos. Da pra sentir que é mais ou menos a mesma diferença entre TV aberta e TV paga.

  • Finalmente a Apple tomou uma atitude quanto a isso.

  • Thiago

    Não tem nada a ver com o tópico, mas para quem gosta de apps para treinos esportivos ou apenas para monitoramento de velocidade, chegou o Sports Tracker para iPhone, antes restrito ao Nokia!
    Era o motivo que faltava pra eu comprar um iPhone. Uso direto no meu N78, que já está ficando cansado, e considero o melhor app da categoria.
    Vocês, usuários de iPhone, podem instalar sem medo de decepção. É fantástico. O acompanhamento dos treinos no site é excelente.

  • Mateus

    Alguém me ajuda?
    Quero comprar um iPad, só não sei se espero pra ver se o preço abaixa ou não. O que vcs acham?

    • ASF

      Sinceramente eu acredito que para se encaixar no processo produtivo relacionado à medida provisória que garante redução de impostos, Apple/Foxxconn ainda deve gastar um tempinho. Eu não apostaria em redução de preços, se houver para antes do Natal ou primeiro trimestre do ano de 2012.

      Mas é claro que posso estar errado.

      • Mateus

        vaaleu 😀

  • Hansi

    Em suma: procurem sempre compra “out-app”, nessa lógica é muito possível que as compras “in-app” passem a vir com os 30% embutidos.

  • ASF

    Retificando: “Porém, no aplicativo não pode ter nenhum botão ou link que leve o leitor a esta compra.” … fora do próprio app.

    Como exemplo do descumprimento desta regra está por exemplo o app do Amazon Kindle, que obriga o usuário da fazer a compra do livro ou publicação fora da app, através do website da Amazon.

  • Thy

    Engraçado que só aqui é assim…todas as revistas digitais no mundo são mais baratas que a versão impressa…só no Brasil é o mesmo preço….pô gente, todo mundo ta errado, só a gente ta certo!!!!

  • Gustavo

    Quem precisa comprar a revista veja?
    É só esperar o almoço de segunda-feira, e ouvir todos repetindo as matérias e as opiniões da revista como se fossem as próprias suas, é absurdo ver um veiculo manipular tanto a opinião publica, e as pessoas idolatram isso… De graça já custa caro pelos danos que trás à sociedade.

  • Lucas Ramos

    Até quem fim, será que vamos ter preços menores agora?!
    E no que pode beneficiar os Brasileiros?

  • Diego

    iLex por favor verifique o forum, não está funcionando…
    valeuu