Utilidade Pública

1° de dezembro: Dia mundial de combate à AIDS

Red Ribbon

O Blog é sobre iPhone, mas é sempre bom lembrar do papel social que todo o veículo de comunicação tem. E nada melhor do que aproveitar o dia para destacar os aplicativos que colaboram para a luta contra esta doença que há tempos se imaginou ser restrita a prostitutas, homossexuais e drogados, mas que na realidade é um perigo real a todos nós.

iPod redA AIDS continua sendo uma doença sem cura até o momento, mas diferentemente das décadas passadas, ela é hoje completamente tratável através de medicamentos, possibilitando que o paciente viva sua vida normalmente. Como a doença da moda hoje é a Gripe A, as campanhas de conscientização perderam força, mas é sempre bom salientar que a melhor prevenção contra a AIDS ainda é o uso da camisinha em relações sexuais.

A Apple não está de fora desta luta. Há anos ela comercializa uma versão do iPod nano totalmente vermelha, que faz parte da campanha (Product)RED, cujos lucros vão diretamente a um fundo global de ajuda ao combate à doença na África. Esta versão só é vendida na loja online da Apple. Cada iPod nano vermelho vendido, ela destina 10$ ao fundo.

Há também aplicativos para o iPhone OS que também aderiram a campanha. Um deles é o famoso Shazam, que identifica músicas. Ele acaba de lançar uma edição especial chamada (Shazam)RED (link), que faz a mesma coisa que a versão normal, mas neste caso, parte da venda do aplicativo vai para o fundo.

Shazam RED

Infelizmente no Brasil não há nenhum aplicativo em português sobre o tema, mas no exterior é possível encontrar alguns. Na Alemanha, o utilitário Kondom Localizr (link) localiza através do GPS do iPhone os distribuidores de camisinhas mais próximos, além de dar dicas de sexo seguro.

Kondom Localizr

Em inglês, há também aplicativos que ajudam a quem já possui a doença, como o HIV/AIDS Health Manager (link), que gerencia os exames feitos e os horários dos remédios, com alertas via notificações push.

HIV manager HIV manager

O pior perigo da AIDS é o preconceito, discriminando as pessoas e achando que pode acontecer aos outros, menos a você. Ela ainda é uma ameaça para todos, até porque tem muitos jovens que já nasceram com ela.

O teste para saber se você é portador é gratuito. Informe-se na sua cidade onde fazer.

Por isso, use sempre camisinha. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Paulo Napa

    Isso aí, iLex. Parabéns pela lembrança.

  • Rogerio

    Iniciativa extremamente feliz, iLex. Se todos tratassem os outros com respeito, sem discriminação, o mundo seria beeem melhor. Muito bom.

  • antoniocarlinho

    Boa iLex, Trabalhei muito tempo na áre da saúde e acho muito bom esses comentários para esclarecer as dúvidas de algumas pessoas.

  • dinho

    boa iniciativa, é triste saber que ainda hoje muita gente contrai essa doença por simples “desleixo” de n querer usar a camisinha e ainda dizer que atrapalha o relacionamento, se botarmos na balança o “incomodo” que a camisinha pode trazer na hora do ato sexual com a doença que você pode ter na vida toda qual será o mais incomodo?

    parabéns ilex e vamo encapa o bicho pessoal

  • Gugacorrea

    Parabéns pelo post iLex. Qualquer tipo de campanha é muito bem vinda para concientizar os jovens sobre a Aids.

  • Daniel

    Grande iLex!
    Mais uma iniciativa muito boa!
    Parabéns pelo post.

  • Nathan

    Blog do iPhone é O blog, alem de trazer informações úteis e confiáveis para donos de iPhones, também conscientiza sobre a Aids. PARABÉNS blog do iPhone!

  • Leonardo

    Parece que até todo mundo faz de propósito. Aff.
    Com certeza se alguém soubesse que a outra poderia ter, todo mundo tomaria cuidado.
    Infelizmente, tem gente que é FDP, tem HIV, não conta pro outro e ainda infecta quem não tem nada haver com isso.

    Esse é o meu caso.
    Descobri que sou HIV positivo esse ano, aos 21 anos.

  • Leonardo

    AHHHH!!!!

    Esqueci de dizer, que antes de saber da minha positividade, eu dava toda força necessária a alguem com HIV, mas na verdade tinha um pouco de preconceito e receio. Mal sabia que eu estava me relacionando com alguém que tinha uma doença que é temido por mim e muitas pessoas.
    Agora quem está convivendo com a doença sou eu. Estou aprendendo muita coisa, inclusive a dor do preconceito que é sofrido por uma pessoa com HIV, no mais to levando a minha vida muito bem, minha vida não vai parar por causa do HIV, não mesmo.

    Por isso, eu deixo registrado aqui: Antes de ter preconceito com alguém, se coloque no lugar da pessoa e veja se vale a pena, pq depois, vc pode ser o próximo a ter HIV.

  • Marcio Sell

    Sem dúvida é uma iniciativa louvável.

    O grande problema hoje é que os jovens, que estão se infectando cada vez mais, não tiveram contato com a primeira fase da doença, onde contrair o vírus era praticamente fatal. Lembram do Cazuza, Freddie Mercury, Lauro Corona?

    Pois é… Hoje, com a advento do coquetel, a doença sem dúvida é controlável, mas não curável. Os medicamentos tem vários efeitos colaterais…. E é tão fácil prevenir… Mas para isto é preciso educar a população, através de campanhas de massa.

    E nunca é pouco repetir: USE CAMISINHA!!!

    • Leonardo

      Posso concordar com vc.

      Minha mãe sempre falava “USE CAMISINHA” qndo eu saia para a balada.

      Sempre tomei os devidos cuidados, mas infelizmente e numa UNICA VEZ, transei sem camisinha o que acarretou a minha positividade.

      Não canso de dizer tbm, USE CAMISINHA!

  • Dylan

    Isso aí iLex!
    Parabéns pela iniciativa do post!!!
    Cada vez admirando mais isso aqui!

  • ihenrique

    PARABENS pela divulgacao!