App StoreAppleDesenvolvedores

Apple extende prazo de licença de desenvolvedores do beta do primeiro SDK

Kit de desenvolvimento de aplicativos do iPhoneDesde março do ano passado, a Apple abriu incrições para seu Programa de Denvolvedores para o iPhone, onde quem queria fazer programas para vender na App Store, deveria pagar uma anuidade de US$99,00. Na época, o SDK ainda estava em fase beta, mas mesmo assim muitos se inscreveram para não perder a oportunidade de lançar seu aplicativo na estréia da loja, no dia 11 de julho de 2008.

Pois um ano se passou e os primeiros inscritos estavam ansiosos com seu futuro, pois o prazo de um ano estava chegando ao fim e nada da Apple indicar  o procedimento para a renovação.

Pois ela comunicou hoje que todos aqueles que se inscreveram antes da estréia da App Store terão seu prazo extendido para o dia 11 de julho de 2009, exatamente o dia que o SDK deixou de ser beta.

Nada mais justo, pois afinal, foram estes mesmos desenvolvedores que ajudaram na evolução do kit, para que ele se tornasse estável e sólido para o lançamento da loja online.

[via]

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • giovanni

    e primeiro post no blog e desse topicco ebaa!!!!

    aff pena que n me encrevi

  • Vicente

    O foda é ter de pagar essa anuidade e ainda ceder uma porcentagem das vendas…
    Isso faz menos apps free surgirem…

  • Iron Junior

    ^é verdade…
    como não diferencia os softs free dos pagos essa anuidade vai nos limitar a programas pagos.

  • Como assim?
    Esse esquema sempre existiu e nem foi por isso que não tiveram milhares de apps gratis… 😉

  • Vicente

    Claro iLex, eu sei.
    Mas com toda a certeza, poderiam ter mais, caso não fosse cobrado…

    Buxa cobrar a anuidade e ainda cobrar em cima de vendas…

  • Tiago Cheregati

    Estender

    “Estender” se escreve com “s” e que “extensão” se escreve com “x”, embora ambas as palavras tenham a mesma origem, ou seja, o mesmo radical latino, que é com “x”: “extendere” e “extensione”.

    Trata-se de uma explicação histórica, segundo o professor Odilon Soares Leme, da Rádio Jovem Pan. “Estender” entrou para o léxico português no século 13, vindo do latim vulgar. Ora, naquela época, já no latim vulgar, o “x” tinha-se tornado “s” antes de consoante. Então, “estender” já entrou com “s” e foi mantido assim, mesmo em palavras derivadas desse verbo como estendível, estendedor, estendedouro, estendal.

    Já o substantivo “extensão” entrou para o léxico português bem mais tarde, e só aparece em dicionário no século 18, tendo ido buscar a forma do latim clássico, “extensione”, da qual manteve o “x”, que foi mantido também em extenso, extensivo, extensível, extensibilidade…

  • Jonatas

    Essa cobrança na minha opinião é para diferenciar as pessoas que realmente levarão o desenvolvimento a sério dos curiosos de plantão, e como tem! Já imaginou quantos funcionários a Apple teria que ter para avaliar todo tipo de besteira que seria enviado para eles caso a licensa fosse gratuita? Isso é o que separa os homens dos meninos! Hehehe