Curiosidades

Vivo publica imprecisões sobre o iPhone em seu site (resolvido)

O site da Vivo está cheio de imprecisões e informações falsas sobre o iPhone, beirando até mesmo o limite da propaganda enganosa. A falta de cuidado que eles tiveram é vergonhosa, não sendo à altura de uma das operadoras que mereceu a confiança da Apple para lançar o aparelho no Brasil.

Nem vou comentar os erros de código que dificultam a leitura, nem o fato de se referirem ao telefone como “Iphone GSM” (quando o nome oficial do modelo é iPhone 3G, com o “i” minúsculo). Isso porque os outros erros são muito mais desconsertantes.

Já a primeira coisa que choca é a referência ao sistema operacional: Apple (Mac OS X v10.4.10). Ora, ora, quer dizer que o iPhone agora roda o Tiger??? Para quem não sabe, esse é o sistema operacional exclusivo para computadores Macintoshes. O sistema do iPhone, apesar de ter uma arquitetura muito parecida, na verdade se chama iPhone OS X 2.1.

Visualizador de arquivos Word e Excel. Se o cliente procurar no seu iPhone um visualizador específico, não encontrará. O Safari e o Mail podem ler esse tipo de documento, mas ele precisa ou estar situado em algum site ou ter chegado por email. Um visualizador propriamente dito não existe no aparelho vindo de fábrica.

Luz ambiente. O telefone vem com luz ambiente??? Uau! 😀

Toques MP3. Mentira. O iPhone só aceita toques em formato AAC e ainda por cima com extensão m4r. Para usar MP3 como toque, só convertendo.

Music Player. Esse não é tão grave, mas chamar o iPod de Music player é sacanagem. Desconsiderou totalmente a capacidade em visualizar vídeos, podcasts, além do Cover Flow.

Bluetooth estéreo. Informação falsa. Se alguém comprar o aparelho influenciado por esse argumento, pode considerar-se enganado. É uma das falhas conhecidas do iPhone, a limitação do seu Bluetooth, que serve somente para alguns fones de ouvidos. Não estéreos.

Opcionais. Como assim? Se eles vêm dentro da caixa, como podem ser opcionais? Ou será que a Vivo vende separado o que no resto do mundo vem de graça?

A Apple costuma ser chata com as operadoras que trabalham com ela, exigindo a aprovação prévia de todo o tipo de material gráfico e informativo antes de ser levado ao público. Mas pelo jeito essa regra não existe no Brasil, o que reforça aquela idéia que todo mundo tem de que a Apple Brasil não passa de uma empresa decorativa…

[dica do leitor Alexandre Luvizotti Lopes]

ATUALIZAÇÃO (4/10): eles finalmente arrumaram os erros. Quem bom. 🙂

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados