Notícias

Trojans para PC são distribuídos em emails que falam de iPhone

Antes que comecem a distorcer a notícia e se espalhe que “há um vírus para o iPhone”, melhor deixar as coisas claras.

A empresa Sophos divulgou hoje que muitos usuários de Windows estão recebendo um email com um arquivo zip que permitiria a instalação de um jogo para o iPhone chamado Penguin Panic. O problema é que esse arquivo não é um jogo e sim um Caválo de Tróia que infecta o PC.

O email (cujos títulos mais comuns são “Virtual iPhone games”, “Take a break” e “Virtual iPhone toys”) se aproveita da popularidade do gadget da Apple e do conhecido game (que tinha realmente uma versão iPhone OS no Installer 3) para se espalhar. Ele infecta somente máquinas rodando Windows, não funcionando no MacOS nem no próprio iPhone.

Como sempre, o melhor é tomar cuidado com qualquer arquivo recebido por email, principalmente quando vindo de estranhos.

Só acho bizarro esse tipo de notícia sempre vir de empresas de anti-vírus. Por que será, hein?

[via WNews]
Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Vitto

    HÁ! É o que sempre digo! Não tenho dúvidas que essas empresas contratem pessoas para produzir vírus… É óbvio, senão não teriam trabalho!

  • Lucas

    very strange

  • Rafael M.

    As empresas de antivirus são as responsáveis pela divulgação destas mensagens pois os virus são detectados nas máquinas dos usuários e são detectadas como nova ameaça. Esta nova ameaça é enviada para estudos na companhia de antivirus que “cadastra” essa ameaça num banco de dados para produção de vacinas.

  • Vicente

    Pode até ser por este meio Rafael M., mas eu não duvido que as empresas de anti-vírus não tenham vínculos quem os produz… 😛

  • É pq as empresas de AV tem Honeypots, maquinas que ficam puxando de tudo na net, pra descobrir os novos virus

  • Vicente

    Pode até ser por este meio Rafael M., mas eu não duvido que as empresas de anti-vírus não tenham vínculos COM quem os produz… :p

    (FOI MAU A RATIADA)..EHHE

  • Maurício

    Concordo plenamente com o Vitto.

    São as próprias empresas que desenvolvem novas ameaças.