gradiente iphone

Parece que a novela do “iphone Gradiente” ainda está longe de terminar. Depois de tentar vender a marca para a Apple por um preço que a salvaria da falência e de quebra enriqueceria ainda mais seus diretores, a brasileira Gradiente não aceitou nenhuma das propostas feitas pela Maçã e resolveu contra-atacar de forma agressiva, anunciando que lançará em breve um smartphone top de linha, com a marca “iphone”. A informação por enquanto foi dada apenas pelo colunista da revista Veja, Lauro Jardim, e não foi ainda confirmada.

A Gradiente detém os direitos da marca “iphone” no Brasil desde 2000 e por isso tentou usar disso para ganhar um bom dinheiro da Apple (como ela registrou primeiro no país, tem este direito). Mas depois de 6 meses de negociação, nenhuma das partes conseguiu chegar a um acordo sobre os valores. Com a água no pescoço (devido às grandes dívidas que precisa quitar), a Gradiente resolveu mudar a tática, para ver se acelera o processo: anunciou que lançará em breve uma linha de smartphones top de linha, para o mercado nacional.

Será, de acordo com interlocutores da Gradiente, um produto top de linha, que não tem o propósito de ser igual ao iPhone 5, mas tem a pretensão de estar adaptado às condições brasileiras.

Eu particularmente duvido que a Gradiente tenha hoje condições de criar um produto bom e competitivo, visto sua grave situação financeira. Parece que este é mais uma jogada de marketing para forçar a Apple a concordar com valores mais altos. É tipo “Ei, a bola legalmente é minha, e se você quiser jogar com ela, terá que pagar meu preço“.

Vamos aguardar os próximos capítulos desta longa novela.

dica do Rodrigo Bertelli